PUBLICIDADE
Topo

MMA


MMA

Demitido do UFC, Rony Jason desabafa e nega ter agredido irmã

Marcel Alcântara
Imagem: Marcel Alcântara

Ag. Fight

20/10/2017 17h02

Rony 'Jason' está vivendo um verdadeiro inferno astral. Após alguns vídeos circularem nas redes sociais mostrando ele durante uma discussão com sua irmã, que estava no chão enquanto ele gritava, o vencedor do TUF Brasil 1 acabou demitido do UFC e pode ter que responder pelos seus atos na Justiça. E o cearense resolveu desabafar nas redes sociais.

Jason publicou uma foto sua dos tempos de TUF e a legendou dizendo: "Não nasci e nem quero ser exemplo para ninguém só quero viver bem com as pessoas que me amam e que eu amo também". Mas foi nos comentários da imagem que o atleta se posicionou sobre o fato de maneira mais clara.

Ao receber o apoio de um seguidor, Jason se defendeu dizendo que não agrediu a familiar. Segundo seu depoimento, as imagens não são conclusivas e ele teria apenas discutido de maneira mais áspera com sua irmã enquanto ela estava no chão após um empurrão do próprio atleta, como ele admite.

"Obrigado, irmão. Não bati em minha irmã. Cadê foto da agressão? Não tem, porque não tem. Ela veio me agredir 'histórico dela na cidade', eu empurrei, ela caiu e resolvi desabafar pois sou caçula e sustento 2 irmãos que nunca trabalharam e ela com dois filhos", escreveu.

Em outro momento, Jason voltou a negar a agressão, se confundiu quando tentou citar um dito popular e ainda deixou claro sua relação bastante conturbada com a parente.

"Você sabe pelo pouco que convivemos que não sou nem nunca fui agressivo. Não agredi minha irmã nem nunca passou pela minha cabeça, só que água mole em água dura tanto bate... Ela mesma afirmou em comentários e matérias que veio 'me dar lição de moral'. Para dar, tem que ter moral. Tem quase 40 com 2 filhos sustentada a vida toda por minha mãe e por mim, enfim... Não sou a favor de agressão, que me conhece sabe que nunca fui. Mas vamos seguir a vida, pois Deus dá as piores missões para os melhores soldados. Não é em vão", afirmou o cearense.

"No TUF não bancava minha família em tudo! Fora meus 3 filhos, tem minha mãe, irmão, irmã com 2 filhos. O jardim do vizinho é sempre mais verde. Entro no mês com mais de 5 mil líquido para dar a alguém. Sabe o que é isso no Brasil do jeito que tá?", completou.

Após um início promissor no Ultimate, Rony Jason encarou uma série de resultados ruins na carreira. Nas últimas quatro lutas, o brasileiro perdeu três e viu sua única vitória ser anulada após o flagra em um exame antidoping. A sua demissão foi oficializada pelo UFC no início desta semana.

Um vídeo publicado por ufc (@ufc) em Ago 8, 2015 às 9:50 PDT

MMA