PUBLICIDADE
Topo

MMA


MMA

Prisões por prostituição disparam em Vegas durante May x Mac

A casa de Strip-tease de Mayweather em Las Vegas - Jorge Corrêa/UOL
A casa de Strip-tease de Mayweather em Las Vegas Imagem: Jorge Corrêa/UOL

Ag. Fight

29/08/2017 11h10

Os números impressionantes do duelo entre Floyd Mayweather e Conor McGregor, que aconteceu no último fim de semana, não param de pipocar. Mas além da possível quebra de recorde de pay-per-views e cifras astronômicas recebidas por ambos os atletas, outras estatísticas não tão positivas também surgem. E uma delas é a explosão do número de casos de prostituição na cidade de Las Vegas (EUA).

De acordo com o canal 'ABC', os casos de prisão por prostituição dispararam na cidade durante o fim de semana da superluta. O Departamento de Polícia Metropolitano de Las Vegas registrou 52 prisões no sábado e 63 no domingo, um número bem maior que os maiores dias de infrações anteriores do mês (compare abaixo).

A razão para este salto, ainda de acordo com a publicação, é o alto número de visitantes na cidade para o evento. Muitos irlandeses estiveram em Vegas para acompanhar McGregor, além do grande número de celebridades terem se deslocado pelo mesmo motivo.

Vale ressaltar que, apesar por ser considerada a 'Cidade do Pecado' e ser famosa pelos vários clubes de striptease que possui, a prostituição em Las Vegas não é legalizada.

Número de prisões por prostituição em Vegas:

5 de agosto: 14 prisões.
12 de agosto: 5 prisões.
17 de agosto: 3 prisões.
18 de agosto: 13 prisões.
19 de agosto: 9 prisões
25 de agosto: 7 prisões.

MMA