PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Campeão do UFC aposta que Jon Jones volta ao topo mesmo com quatro anos de gancho

Ag. Fight

26/08/2017 12h00

Tyron Woodley venceu Demian Maia por pontos no UFC 214 – Diego Ribas

Caso realmente seja condenado após o julgamento de seu caso de doping durante o período de luta contra Daniel Cormier, Jon Jones pode ser suspenso por até quatro anos do esporte, o que, como foi explicitado por Dana White, presidente do Ultimate, pode significar o fim da linha para ele nas artes marciais mistas. Contudo, contrariando a opinião do cartola, Tyron Woodley, campeão dos meio-médios (77 kg) do UFC, sugeriu que Bones não apenas retornaria à ativa, como também recuperaria seu título quando voltasse, independentemente do tempo afastado.

Em entrevista em vídeo ao site 'TMZ Sports', o norte-americano fez uma análise sobre o nível de Jon Jones e dos outros competidores da divisão dos meio-pesados (93 kg), e, ao menos de acordo com sua opinião, seu compatriota terá longa vida no esporte. Isso porque, além do fato de ainda possuir 30 anos, suas habilidades estão acima de todos os seus adversários.

"Daniel Cormier teve a melhor chance de dar uma luta para ele, e estava dando uma luta para ele até receber o chute na cabeça. Por isso, mesmo que seja punido por quatro anos, se ele se mantiver treinando com foco poderá voltar a competir e até recuperar o seu cinturão. Jon Jones é o único cara que não estaria acabado . Jon Jones é um cara completamente de outro nível. Ele está três ou quatro anos à frente da curva dos meio-pesados", analisou Woodley.

Além de analisar o futuro de Jones e assegurar que o atleta possui todos os requisitos para retornar ainda mais forte após uma possível condenação por reincidência no doping, Woodley ressaltou sua desconfiança quanto ao fato de Bones realmente ter consumido substâncias proibidas. Pois, de acordo o meio-médio, o anabolizante não seria um diferencial na luta contra DC.

"Para mim não faz muito sentido ele ter tomado esteroides para enfrentar o Daniel Cormier. DC é um cara da luta agarrada, por isso acho que Jones gostaria de estar mais leve e veloz para a luta contra um cara do wrestling", finalizou.

Esporte