PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Ídolo do PSG, Raí irá se tornar acionista do Paris FC

Da AFP

De Paris, França

28/06/2022 11h54

O ex-jogador Raí, que nos anos 1990 brilhou com a camisa do Paris Saint-Germain, está na França para se tornar acionista minoritário do Paris FC, informou nesta terça-feira à AFP o presidente do clube da segunda divisão do Campeonato Francês, Pierre Ferracci.

"A dimensão de Raí supera amplamente o mundo do futebol", disse Ferracci.

"Aumentamos o capital de 8 milhões de euros, a quarta vez desde que estou na direção da equipe, e a maioria dos acionistas minoritários seguiu. Eu mantenho a maioria das ações", explicou o dirigente.

A sociedade Sport Bridges Venture (SBV), da qual Raí participa, comprará cerca de 10% dos papeis, com um investimento de mais de 3 milhões de euros. "Haverá um orçamento maior para contratações, infraestrutura e para o time feminino, que vai jogar a Liga dos Campeões", acrescentou Ferracci.

Raí confirmou nesta terça sua participação como acionista do Paris FC, mas decidiu "enviar uma mensagem aos torcedores" do PSG.

"Sem eles, não seria quem eu sou e hoje não poderia me comprometer com um novo desafio no futebol na nossa capital. Espero que esta história continue entre nós", escreveu o brasileiro em sua conta no Instagram.

Campeão do mundo pela seleção brasileira em 1994, Raí conquistou pelo PSG o Campeonato Francês em 1994 e a Recopa Europeia em 1996.

O Paris FC disputou em maio a fase prévia da repescagem de acesso à primeira divisão do Campeonato Francês, mas acabou eliminado pelo Sochaux.

Esporte