PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Real Madrid perde (2-1) para o modesto Sheriff Tiraspol na Champions

28/09/2021 19h45

Madri, 28 Set 2021 (AFP) - O Real Madrid perdeu por 2 a 1 para o modesto Sheriff, da Moldávia, nesta quarta-feira, em pleno Santiago Bernabeu, com a equipe de Tiraspol assumindo a liderança isolada do grupo D.

O Sheriff, estreante no torneio, abriu o placar com um gol do uzbeque Jasurbek Yakhshiboev (25), mas Karim Benzema empatou de pênalti no segundo tempo (65). Sebastien Thill fez o gol da vitória no final da partida (89).

A derrota mantém o Real Madrid em segundo na chave com três pontos, a três dos moldavos, enquanto Inter de Milão e Shakhtar fecham o grupo, com um ponto cada, depois de empatarem em 0 a 0 nesta terça-feira.

"Mais do que preocupados, estamos tristes, a equipe jogou com muita intensidade, com empenho, perdemos devido aos pequenos detalhes", disse o treinador do Real Madrid, Carlo Ancelotti, após o jogo.

O time merengue dominou a partida, mas esbarrou em uma parede defensiva e na boa atuação do goleiro Georgios Athanasiadis, no retorno da Liga dos Campeões ao Santiago Bernabeu um ano e meio após a última partida dessa competição em fevereiro 2020.

- 'É o futebol' -"É o futebol, nós chutamos 20 ou mais vezes e marcamos um, eles chutaram dois e marcaram os dois", disse o meia Casemiro ao Movistar + após a partida.

Na primeira meia hora, só uma cobrança de falta de Karim Benzema colocou Athanasiadis (18) em apuros.

O Sheriff procurava as saídas pela esquerda com passes longos para o brasileiro Cristiano, que cruzou para a área e Yakhshiboev finalizou de cabeça abrindo o placar (25).

O gol esfriou o Bernabéu, mas serviu para acordar o Real Madrid, que deu mais velocidade ao seu jogo e cercou a área adversária, diante de um Sheriff que se fechou ainda mais.

"Sabíamos que íamos defender e assim fizemos, além de procurar o contra-ataque", admitiu o treinador do Sheriff, Yuriy Vernydub, que se declarou "feliz por ter um jogo como este contra o Real Madrid".

O gol mais uma vez evidenciou as falhas que continuam a afetar a equipe Merengue na defesa, o que lhes custaria outros dois gols, embora um deles tenha sido anulado por impedimento.

Nos últimos 15 minutos do primeiro tempo, Benzema quase empatou em um chute que foi para fora por pouco (37).

Após o intervalo, Eden Hazard obrigou Athanasiadis (56) a se esticar, se transformando em um verdadeiro herói de sua equipe no Bernabéu.

- 'Difícil de explicar' -Hazard foi um dos jogadores do Real Madrid que mais desequilibraram em suas ligações com Benzema e Vinicius Jr, que sofreria o pênalti em uma penetração na área interceptada por Addo.

A penalidade máxima foi convertida por Benzema (65) empatando a partida e incentivando os merengues, que aumentaram o poder ofensivo com as entradas de Modric, Kroos, Rodrygo e Jovic (66).

As mudanças serviram para que o Real Madrid ampliasse os espaços no campo, chegando com mais perigo e tentando de todas as partes do campo, após passar boa parte do jogo tentando entrar.

O time merengue continuou esbarrando na boa atuação do goleiro adversário, que defendeu um chute de Modric (75) com o rosto e afastou um disparo do brasileiro Rodrygo (77).

"Tivemos muitas oportunidades, poderia ter sido melhor nos últimos metros... É difícil explicar essa derrota pelo jogo que disputamos", considerou Ancelotti.

No momento em que o Sheriff estava mais fechado, uma de suas saídas cada vez mais raras terminou com uma bola nos pés de Thill, que sozinho na entrada da área, disparou o chute e a bola entrou no ângulo de Thibaut Courtois (89).

Novamente em desvantagem, o Real Madrid continuou tentando nos seis minutos de acréscimo, mas o placar não se mexeu mais em uma noite histórica para o Sheriff Tiraspol.

gr/pm/aam

Esporte