PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Daniel Alves anuncia que não jogará em nenhum clube até o fim de 2021

24/09/2021 17h10

São Paulo, 24 Set 2021 (AFP) - O veterano Daniel Alves, jogador de futebol com mais títulos da história, disse nesta sexta-feira que não jogará por nenhum clube até o final de 2021, após sua surpreendente saída do São Paulo.

"Venho aqui comunicar que optei por não assinar com nenhum clube para o resto do ano. Vim ao Brasil por um sonho de criança, e o sonho foi realizado. Ser campeão com o clube do coração não tem preço", escreveu o jogador em sua conta no Instagram.

Alves, de 38 anos, acompanhou sua mensagem com duas hashtags em inglês nas quais descarta sua aposentadoria: #ITSNOTOVER e #IWILLBEBACK, que significam "Não terminou" e "Voltarei", respectivamente.

O anúncio põe fim aos rumores que o ligavam a diversos times brasileiros, como Fluminense, Flamengo e Athletico-PR, após sua saída abrupta do tricolor paulista há duas semanas.

As janelas de transferências das ligas europeias já estão fechadas e a do Brasil fecha nesta sexta-feira, o que fez o jogador ter poucas chances de assinar com times de ligas menores, como as árabes.

"Não é sobre dinheiro, é sobre valores, é sobre hombridade, é sobre caráter, É SOBRE LEGADO. As decisões difíceis precisam ser tomadas, mas como sempre nada na minha vida foi fácil. É apenas mais uma decisão", afirmou.

O São Paulo anunciou inesperadamente a saída do lateral no dia 10 de setembro, após ele não comparecer ao treino naquele dia, depois de ter participado de jogos da seleção brasileira na rodada tripla das eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo naquele mês.

O lateral justificou sua ausência dizendo que não recebeu pagamentos milionários do São Paulo, time ao qual chegou em agosto de 2019, após vencer a Copa América disputada naquele ano no Brasil.

Com o clube do seu coração, conquistou o Campeonato Paulista em maio passado, encerrando um jejum de oito anos sem títulos do tricolor. E em agosto ele conquistou o ouro com o Brasil nas Olimpíadas de Tóquio, seu 43º título.

O ex-lateral do Barcelona (ESP) e do PSG (FRA) disse que espera continuar em atividade para ser levado em consideração pelo técnico da seleção brasileira, Tite, para a Copa do Mundo do Catar-2022.

Tite revelou nesta sexta-feira a lista dos convocados para a rodada tripla das eliminatórias sul-americanas, em outubro, em que o Brasil vai tentar se classificar antecipadamente para o Mundial. Daniel Alves não foi chamado.

"Esperamos que ele tenha luz e encontre seu caminho", disse Tite sobre o lateral.

raa/app/gfe/aam

Esporte