PUBLICIDADE
Topo

Eurocopa - 2021

Técnico da Dinamarca diz que visita de Eriksen tranquilizou atletas da seleção

Jogadores da Dinamarca acompanham Eriksen ser retirado de campo em maca - Friedemann Vogel - Pool/Getty Images
Jogadores da Dinamarca acompanham Eriksen ser retirado de campo em maca Imagem: Friedemann Vogel - Pool/Getty Images

20/06/2021 16h08

A visita de Christian Eriksen, que deixou o hospital na quinta-feira após uma parada cardíaca cinco dias antes, tranquilizou seus companheiros da seleção dinamarquesa, que enfrentam a Rússia amanhã, em uma partida decisiva para saber se chegam ou não às oitavas de final da Eurocopa.

Eriksen visitou seus companheiros de equipe anteontem após sua alta do hospital de Copenhague, onde foi tratado após desmaiar durante o jogo contra a Finlândia, gerando temores de um desfecho fatal durante alguns momentos.

"Isso significou muito para os jogadores que não o tinham visto, especialmente para aqueles mais próximos de Christian. Uma coisa é vê-lo em vídeo e outra é poder olhá-lo nos olhos", explicou o técnico dinamarquês Kasper Hjulmand em um coletiva de imprensa neste domingo.

"Foi bom. O ambiente é diferente, claro, mas foi bom vê-lo e à sua família. Foi algo importante para vários jogadores", insistiu Hjulmand.

Depois de perder para a Finlândia e a Bélgica, a Dinamarca não tem escolha a não ser vencer a Rússia em Copenhague na segunda-feira para manter suas poucas chances de classificação às oitavas de final da Euro.

"Demos tudo contra a Bélgica e temos que fazer o mesmo. Geramos muitas chances. Todas as estatísticas são semelhantes às que nos dariam seis pontos mas realmente estamos com zero", lamentou.

"Não estamos liquidados. Tivemos uma estreia difícil e vamos começar agora. Estamos preparados para superar este grupo e disputar outros jogos", afirmou o treinador dinamarquês.

A Dinamarca teve o maior sucesso da história do seu futebol em uma Eurocopa, a de 1992, onde se sagrou campeã.

Os dinamarqueses precisam da vitória sobre a Rússia de qualquer maneira. A sua posição no grupo B, segundo ou terceiro lugar, vai depender então do resultado do jogo da Finlândia, que enfrentará a Bélgica, já classificada, em São Petersburgo, no mesmo dia e horário.