PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Sem defesa titular, Real Madrid tenta vaga nas semis da Champions em visita ao Liverpool

13/04/2021 17h10

Liverpool, 13 Abr 2021 (AFP) - O Real Madrid viaja para Anfield nesta terça-feira em busca de uma vaga nas semifinais da Liga dos Campeões contra o Liverpool, com uma vantagem confortável após sua vitória por 3 a 1 no jogo de ida das quartas de final, mas prejudicado por desfalques na defesa.

O time merengue chega a estas quartas de final da Liga dos Campeões animado, depois da vitória na ida e o triunfo no domingo no 'El Clásico' contra o Barcelona, que o colocou totalmente na briga pelo campeonato espanhol.

"Temos que ir com tudo, não defender o resultado, temos que tentar vencer", disse o meia croata Luka Modric nesta terça.

"O que queremos é fazer mais um grande jogo porque vamos precisar disso para passar de fase. O mais importante é que a equipe esteja preparada", acrescentou o técnico da equipe madrilenha, Zinedine Zidane, em coletiva de imprensa.

Treze jogos oficiais consecutivos sem perder, somados a estes dois últimos grandes triunfos, representam um grande alento moral diante de um jogo difícil, ao qual o Real Madrid chega com desfalques defensivos importantes.

- Sem Lucas Vázquez -Somam-se às ausências de Sergio Ramos e Raphael Varane no miolo da zaga os problemas do lado direito. Sem Dani Carvajal, lesionado desde meados de fevereiro, Zidane tampouco poderá contar com Lucas Vázquez.

O ponta madrilenho foi recuado para a defesa com a lesão de Carvajal e sofreu uma entorse no joelho contra o Barcelona, o que deverá obrigar Zidane a recorrer a Álvaro Odriozola, que só disputou seis jogos nesta temporada.

"É verdade que ele jogou pouco, mas 'Odri' está envolvido", disse Zidane.

No meio da defesa, Militão e Nacho Fernández devem voltar a ser escalados com Mendy na lateral esquerda.

Na frente, Vinicius Junior e Benzema devem retomar as rédeas do ataque 'merengue' no estádio do Liverpool, onde o Real Madrid tentará evitar surpresas como o Barcelona nas semifinais de 2019.

Naquela ocasião, a equipe inglesa goleou o Barça por 4 a 0, revertendo o 3-0 sofrido na ida no Camp Nou para chegar à final continental, que acabaria vencendo.

- Anfield vazio -Uma boa lembrança para os jogadores comandados por Jürgen Klopp, que sonham em repetir a façanha em seu campo, embora o treinador alemão já tenha avisado na semana passada que a tarefa deverá ser complicada e mais ainda sem a presença do público.

"Um estádio cheio teria sido importante para nós", disse Klopp em entrevista coletiva na terça-feira, explicando que "sem os torcedores nas arquibancadas, temos que criar nosso próprio ambiente" de virada.

"As viradas não podem ser consideradas garantidas. Não é porque conseguimos antes que se repetirão, mas se estivermos em nosso melhor nível no jogo, temos uma possibilidade", acrescentou o treinador alemão, que comandou a equipe que venceu no sábado o Aston Villa por 2 a 1 em Anfield.

"O mais importante é jogar o melhor possível, tentar ganhar o jogo e depois veremos aonde o resultado nos leva", disse Klopp.

Sexto no campeonato inglês e não podendo mais revalidar o título do ano passado, a Champions League foi apresentada como a forma de salvar sua temporada, mas o duro golpe do jogo de ida complicou muito a tarefa.

Nesta quarta-feira, o Liverpool terá de mostrar seu lado épico para tentar a virada em uma partida em que Klopp contará com Jota e Mohamed Salah, autor do gol inglês no jogo de ida, para tentar garantir uma vaga nas semifinais.

- Prováveis escalações:

Liverpool: Alisson Becker - Alexander-Arnold, Ozan Kabak, Phillips, Robertson - Thiago, Fabinho, Wijnaldum - Salah, Jota, Mané. Técnico: Jurgen Klopp (ALE)

Real Madrid: Courtois - Odriozola, Éder Militao, Nacho, Mendy - Kroos, Casemiro, Modric - Asensio, Benzema, Vinícius. Técnico: Zinedine Zidane (FRA)

Árbitro: Bjorn Kuipers (HOL)

gr/psr/mcd/aam

COURTOIS

Esporte