PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Pal Dardai volta a comandar o Hertha Berlim um ano e meio depois

25/01/2021 17h48

Berlim, 25 Jan 2021 (AFP) - Apenas um ano e meio após sua demissão do Hertha Berlim, Pal Dardai foi anunciado novamente nesta segunda-feira como técnico do clube da capital até 2022 com a missão de evitar um rebaixamento humilhante para a segunda divisão.

A chegada do húngaro de 44 anos, que dirigiu o Hertha entre 2015 e 2019, acontece um dia após a demissão de Bruno Labbadia e do diretor-esportivo Michael Preetz, após uma nova derrota, por 4 a 1 em casa para o Werder Bremen.

"Como 'herthaner', ele conhece todos aqui e não vai precisar de tempo para se acomodar. Estamos totalmente convencidos de que ele dará à equipe o que ela precisa, graças à sua natureza clara e direta", disse o presidente do conselho de administração do clube, Carsten Schmidt.

Dardai, que jogou pelo Hertha entre 1997 e 2012, está de volta com sua antiga equipe de assistentes, composta por Andreas Neuendorf e Admir Hamzagic.

Com apenas um ponto conquistado nos últimos quatro jogos, contra adversários modestos, o Hertha está em 14º com 17 pontos em 18 jogos, dois a mais que o Colônia (16º), que disputaria o play-off pela permanência na primeira divisão.

Uma colocação bem abaixo das expectativas de um clube com grandes ambições, apoiado pelo investidor Lars Windhorst.

Apesar dos reforços, o Hertha não tem conseguido acompanhar o ritmo das principais equipes da Bundesliga. E, o que é mais humilhante ainda, ele vê seu grande rival, o humilde Union Berlin, fazer uma excelente temporada. Está em oitavo a quatro pontos do pódio, surpreendendo com sua forma de jogar e vencer.

As próximas semanas não serão fáceis para o Hertha, que em fevereiro recebe os dois primeiros colocados da Bundesliga: Bayern de Munique e Leipzig.

dac/yap/pm/psr/aam

Esporte