PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Equipe que caiu para 2ª divisão espanhola pede anulação dos rebaixamentos

03/08/2020 18h29

Barcelona, 3 Ago 2020 (AFP) - O RCD Espanyol, uma das equipes que caíram para a Segunda Divisão na próxima temporada do futebol espanhol, exigiu nesta segunda-feira o cancelamento de todos os rebaixamentos do campeonato, afetado pela pandemia do novo coronavírus, que forçou a suspensão por mais de três meses da competição.

Apesar de terminar em último na classificação da Primeira Divisão, o RCD Espanyol considera que as situações causadas pela pandemia (jogar sem a presença de público ou jogadores contaminados) "são irremediavelmente injustas em termos de esporte, já que na reta final do torneio não foi possível competir nas mesmas condições de igualdade que antes da suspensão".

A equipe de Barcelona também justifica sua demanda por conta da confusão criada na atual temporada da Segunda Divisão, onde o torneio (playoff) para definir quem será promovido para a elite está paralisado e sem data marcada, depois que o jogo da última rodada entre o já rebaixado para a terceira divisão Deportivo La Coruña e o Fuenlabrada, que luta para subir para a 1ª divisão, não foi realizado porque vários jogadores da equipe de Madri foram diagnosticados com COVID-19.

A Federação Espanhola de Futebol (RFEF) informou nesta segunda-feira que as duas equipes vão se enfrentar no dia 5 de agosto.

O Espanyol também considera que "o impacto econômico da COVID-19 se estenderá para a temporada 20-21".

"Se adicionarmos a isso o efeito econômico que um rebaixamento implica, a punição acumulada é devastadora e injusta para os afetados", de modo que "é totalmente inacessível punir ou punir os mais afetados duas vezes", informou o clube.

Por todas essas razões, "o RCD Espanyol defende a eliminação dos rebaixamentos nesta temporada em competições supervisionadas pela LaLiga".

ta/mcd/lca

Esporte