Topo

Esporte


Barcelona busca na Liga dos Campeões a calma após a tempestade

Lionel Messi durante Levante x Barcelona - Jose Jordan/AFP
Lionel Messi durante Levante x Barcelona Imagem: Jose Jordan/AFP

Barcelona

04/11/2019 22h09

O Barcelona recebe amanhã o Slavia de Praga para tentar dar um novo passo rumo às oitavas de final da Liga das Campões com uma vitória que sirva de estímulo após a dura derrota de sábado no Campeonato Espanhol.

A virada do Levante em apenas sete minutos (3-1) abalou o Barça, apenas alguns dias antes de receber o Slavia, lanterna do grupo F da Liga dos Campeões.

Líder da chave com três pontos de vantagem sobre o Borussia Dortmund (2º) e Inter de Milão (3º), o Barça precisa de uma vitória que o coloque na liderança antes de enfrentar os dois adversários mais fortes do grupo.

"É uma partida importante porque estamos perto da classificação, queremos ganhar e faremos tudo para ganhar", disse nesta segunda-feira na coletiva de imprensa o lateral 'azulgrana' Nelson Semedo.

"Quando você perde sofre mais pressão, acabamos de perder uma partida e sabemos o que significa. Para nós está bom porque obriga a uma reação, geralmente costumamos reagir bem e espero que amanhã será igual", disse nesta segunda-feira o técnico do Barça, Ernesto Valverde.

Sem Luis Suárez

O Barcelona manteve a liderança no campeonato espanhol, mas a derrota diante do Levante deve trazido à memoria a dificuldade que passou há quinze dias em Praga, onde, apesar de vencer por 2 a 1, acabou sendo pressionado e foi salvo pelas grandes defesas de seu goleiro Marc André Ter Stegen.

"Foi nossa vez de sofrer", reconheceu o próprio Valverde, em um novo teste do quanto tem sido difícil para a equipe catalã vencer fora de casa neste ano.

Em oito partidas oficiais longe do Camp Nou, o Barça só conseguiu ganhar três, enquanto mantém sua fortaleza em casa com seis vitórias em seis partidas oficiais.

Griezmann comemora com Suárez gol do Barcelona sobre o Eibar  - ANDER GILLENEA / AFP
Griezmann comemora com Suárez gol do Barcelona sobre o Eibar
Imagem: ANDER GILLENEA / AFP

A equipe catalã vai receber o time tcheco desfalcada no ataque após a lesão muscular de Luis Suárez na perna direita no sábado contra o Levante.

"Não é uma lesão importante, não sei quanto tempo ele deve ficar (afastado), não tenho a certeza absoluta se ele vai estar em condições amanhã, acho que está muito em cima. Veremos em breve se ele vai poder jogar no fim de semana" na Liga, disse Valverde.

O melhor Messi

A ausência do uruguaio deverá ser uma nova oportunidade para que o francês Ousmane Dembelé, que ainda não mostrou todo seu potencial, acompanhe no ataque Lionel Messi e Antoine Griezmann, que também segue sem render 100%.

Já Messi parece ter deixado para trás as lesões que ofuscaram seu início de temporada marcando em seus últimos quatro duelos cinco dos seis gols que fez nesta temporada.

Na defesa, Gerard Piqué e Clément Lenglet vão formar provavelmente a dupla de zaga, que será obrigada a corrigir alguns erros defensivos que levaram a equipe a sofrer 16 gols em 14 partidas oficiais.

O Slavia chega ao Camp Nou disposto a surpreender, apesar de só ter marcado um ponto de nove possíveis o que torna difícil sua classificação.

Animado pelo bom futebol que apresentou diante do Barça há quinze dias, o Slavia pretende repetir o desempenho na cidade catalã.

"A partida no Camp Nou será muito difícil. O Barcelona joga muito bem em casa e perde poucos pontos, mas acho que poderemos mostrar um rendimento parecido ao que mostramos nas outras partidas europeias", afirmou o goleiro Ondrej Kolar.

Prováveis escalações:

Barcelona: Ter Stegen - Semedo, Piqué, Lenglet, Jordi Alba - De Jong, Busquets, Arthur - Dembelé, Griezmann, Messi. Técnico: Ernesto Valverde

Slavia: Kolar - Coufal, Kudela, Frydrych, Boril - Zeleny, Soucek, Sevcik - Stanciu - Masopust, Olayinka. Técnico: Jindrich Trpisovsky

Árbitro: Michael Oliver (ING)

Esporte