Topo

Esporte


Boca goleia a LDU e se aproxima das semifinais da Libertadores

21/08/2019 22h32

Quito, 22 Ago 2019 (AFP) - O Boca Juniors goleou a LDU por 3 a 0 nesta quarta-feira, em Quito, pela partida de ida das quartas de final da Copa Libertadores 2019, um excelente resultado para o time argentino obtido em plena na altitude da capital equatoriana, de 2.850 metros acima do mar.

O clube de Buenos Aires, que em sua história já conquistou seis títulos do torneio continental, ficou com um pé nas semifinais da competição depois de vencer com gols de Ramón Ábila (aos 11 minutos) e Emanuel Reynoso (47), além de um gol contra do equatoriano Luis Caicedo (81).

Os equatorianos terminaram o duelo com nove jogadores em campo após a expulsão de Jefferson Orejuela, nos acréscimos do primeiro tempo (45+3), por cometer uma falta grave em Reynoso. Kevin Minda também recebeu um cartão vermelho (48) depois de ter proferido insultos.

O jogo de volta será disputado no dia 28 de agosto no estádio de La Bombonera na capital argentina, onde a LDU, com um título da Libertadores em sua história, terá que vencer com pelo menos 4 gols de diferença para se classificar para as semifinais.

O vencedor do duelo vai jogar na penúltima fase do torneio contra quem ganhar a disputa entre o paraguaio Cerro Porteño e o argentino River Plate.

- Boca domina -A LDU foi pressionada logo no início do jogo. Andrés Chicaiza até teve uma chance para os equatorianos mas seu chute foi travado e a bola desviada para longe.

Boca avançou para diminuir as opções de criação e a saída de bola do time local, ao mesmo tempo em que permitiu a recuperação rápida para manter a posse.

Nessa estratégia os volantes Nicolás Capaldo e Marcone foram se destacando no decorrer da partida. A saída e os avanços pelas laterais ficaram a cargo de Eduardo Salvio e Alexis Mac Allister.

Marcone assustou com um chute de meia distância. Aos 11 minutos fez um passe em profundidade para Ábila, que driblou e goleiro e mandou para o fundo das redes.

O gol abalou os equatorianos e deixou o Boca Juniors mais à vontade, mantendo a posse de bola.

- Nada dá certo para a LDU -Os contratempos foram se acumulando para o time da casa: seu artilheiro Rodrigo Aguirre teve que deixar o campo lesionado a cinco minutos do intervalo.

Nos acréscimos, outro problema para 'la U'. O volante Jefferson Orejuela cometeu uma falta sobre Reynoso e foi expulso.

A LDU, que em nenhum momento chegou a preocupar o goleiro Esteban Andrada, sacrificou a criação em nome da marcação, com a saída de Andrés Chicaiza e a entrada de Jordy Alcívar para organizar o meio de campo no início do segundo tempo.

Mas o Boca não deu sossego e mal foi dada a saída, Reynoso cobrou uma falta por cima da barreira e ampliou (46).

Os equatorianos partiram para o desespero para tentar diminuir o placar contra a equipe de Gustavo Alfaro, que se fechou para jogar no contra-ataque na hora certa.

O VAR anulou um terceiro gol, por impedimento de Ábila. Mas em outro lance o atacante roubou uma bola em um vacilo de Caicedo e chutou a gol. A bola bateu no goleiro e Ábila aproveitou o rebote ampliando para os argentinos e fazendo com que o time coloque um pé nas semifinais.

dsl/sp/cl/aam

Mais Esporte