PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Barça e Bayern, favoritos contra Lyon e Liverpool após empates na ida

12/03/2019 13h45

Paris, 12 Mar 2019 (AFP) - Barcelona e Bayern de Munique entram em campo na quarta-feira (17h00, horário de Brasília) como favoritos a avançar às quartas de final da Liga dos Campeões. Os dois recebem Lyon e Liverpool, respectivamente pela volta das oitavas, após conseguirem empatar sem gols na ida.

Embora as surpreendentes eliminações de Real Madrid diante do Ajax e a virada do Manchester United contra o PSG sejam exemplos de que não se deve descuidar.

"É certo que a equipe vai dar tudo de si e vamos tentar avançar. Mas eu não sou um adivinho", disse na segunda-feira o lateral do Barça Jordi Alba, no evento de sua renovação de contrato até 2024 com a equipe azulgraná.

As estatísticas favorecem o time catalão, que nas sete ocasiões em que enfrentou o Lyon, incluindo a partida de ida, venceu quatro duelos e empatou três, mas Valverde não conta com isso e no último fim de semana no jogo contra o penúltimo colocado da Liga espanhola, o Rayo Vallecano, aproveitou para fazer substituições.

Messi e Luis Suárez jogaram a partida inteira, mas Arthur, Sergio Busquets e Rakitic, só participaram de alguns minutos.

A pior notícia nessa partida foi a lesão de Ousmane Dembelé, que sofreu uma "pequena distensão" e é séria dúvida para o jogo decisivo de quarta-feira no Camp Nou.

- Fekir volta -O Lyon, terceiro no campeonato francês, chega a este duelo após tropeçar contra o Strasbourg no último fim de semana na liga francesa (2-2), mas que só perdeu dois de seus últimos dez jogos oficiais.

"Vamos dar o máximo. Sabemos que vai ser um jogo complicado", disse o meia Nabil Fekir.

Suspenso na ida, o coração do time vai com certeza estar em campo na quarta-feira no Camp Nou, disposto a tentar surpreender.

No duelo Bayern-Liverpool, Jürgen Klopp, treinador dos Reds, chega a Munique comandando o time inglês como um icone alemão: o homem que fez frente ao Bayern quando era técnico do Borussia Dortmund.

O carismático técnico é o último a ter tirado o título do Bayern na Bundesliga, com o Borussia Dortmund em 2011 e em 2012. Desde então, a equipe de Munique conquistou seis títulos consecutivos, e segue firme na luta pelo sétimo.

Mas também perdeu para o Bayern (2-1) a final da Liga dos Campeões de 2013. Foi a pior lembrança de sua carreira. "Não assisti depois em vídeo, foi doloroso demais", confessou o alemão, que perdeu no ano passado sua segunda final, contra o Real Madrid (3-1).

- Bom momento do Bayern - Há um mês, a dinâmica entre os dois clubes se inverteu. O Liverpool perdeu a liderança da Premier League enquanto que o Bayern assumiu a dianteira na Bundesliga.

"O Bayern está em uma fase melhor do que a nossa", admitiu Klopp em uma entrevista ao site do Liverpool, "são líderes do campeonato, ganham partidas com uma margem cômoda. Voltaram ao caminho das vitórias".

Para o Bayern, este duelo das oitavas de final é a partida da temporada.

"Nós jogamos tudo", reconheceu o diretor esportivo Hasan Salihamidzic. O gigante da Baviera passeia na Bundesliga há anos e quer ganhar uma Champions que lhe escapa desde 2013.

Uma eliminação antes das quartas de final seria uma novidade desde 2011.

Na quarta-feira, o Liverpool vai voltar a ter o líder de sua defesa Virgil Van Dijk, suspenso na ida, enquanto que o Bayern ficará sem Thomas Müller e Joshua Kimmich (suspensos), e Arjen Robben (lesionado).

bur-psr/aam

Esporte