PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Chelsea e Napoli conseguem ampla vantagem para volta na Liga Europa

07/03/2019 21h02

Londres, 8 Mar 2019 (AFP) - O Chelsea deu um passo importante rumo às quartas de final da Liga Europa ao vencer o Dínamo de Kiev em casa por 3 a 0, nesta quinta-feira (7) no jogo de ida das oitavas.

O espanhol Pedro Rodríguez marcou o primeiro, depois de penetrar na área e tabelar com o francês Olivier Giroud, que devolveu a bola de calcanhar e mandou para o fundo das redes aos 17 minutos de jogo.

O segundo gol veio em uma bela cobrança de falta do brasileiro Wilian (65), deixando o goleiro parado, sem chances de defender.

O terceiro e último foi marcado no último minuto de jogo pelo jovem Callum Hudson-Odoi que entrou na área e chutou à queima-roupa.

A Europa League pode ser a tábua de salvação da temporada para o Chelsea, que foi eliminado na Copa da Inglaterra e que na liga inglesa é sexto colocado, fora das posições que classificam para a próxima Liga dos Campeões.

Desde a derrota do dia 24 de fevereiro diante do Manchester City na disputa de pênaltis da final da Copa da Liga inglesa, o Chelsea conseguiu três vitórias consecutivas, levando em conta todas as competições.

O Chelsea já foi campeão da Liga Europa na temporada 2012-2013, um ano depois de seu único título na Liga dos Campeões.

Já o Dínamo de Kiev nunca conquistou este torneio, mas tem dois títulos (1975 e 1986) da desaparecida Recopa da Europa e um (1975) na Supercopa da Europa.

- Napoli com um pé nas quartas -Outro favorito ao título da Liga Europa, o Napoli venceu o Salzburg pelo mesmo placar (3-0) em seu estádio San Paolo.

O polonês Arkadiusz Milik abriu o placar logo aos 10 minutos, em um mano a mano com o goleiro do time austríaco após receber um passe do belga Dries Mertens.

O espanhol Fabián Ruiz conseguiu o segundo dos napolitanos aos 18, com um voleio de fora da área depois de receber de seu compatriota José Callejón.

O terceiro e definitivo foi um gol contra do camaronês Jérôme Onguené (58), quando tentava afastar de cabeça uma bola perigosa em um novo ataque dos italianos.

Com esta vitória, o Napoli ganha um novo ânimo após a decepção por sua derrota por 2 a 1 em casa no domingo contra a Juventus, que deixou a Serie A praticamente definida a favor dos turineses.

O jogo de volta será na próxima semana no estádio Red Bull Arena de Salzburgo.

O Valencia também venceu mas por um placar apertado: 2 a 1 contra o Krasnodar. O atacante espanhol Rodrigo abriu o placar aos 12 minutos com um chute de fora da área. Aos 24 ele ampliou, desviando um cruzamento na área. O sueco Viktor Claesson diminuiu para o time russo no segundo tempo (63).

- Arsenal e Benfica perdem -Mais cedo, o Arsenal, um dos favoritos ao título, ficou à beira da eliminação ao perder fora de casa para o Rennes por 3 a 1.

Os londrinos jogaram desde os 41 minutos do primeiro tempo com um homem a menos devido ao segundo cartão amarelo recebido pelo grego Sokratis Papastathopoulos.

Os 'Gunners' abriram o placar na Bretanha com um gol do nigeriano Alex Iwobi, mas após a expulsão tudo mudou para a equipe de Unai Emery.

Benjamin Bourigeaud igualou aos 42 e, na segunda etapa, um gol contra do espanhol Nacho Monreal (65) e um marcado na reta final pelo senegalês Ismaila Sarr (88) deixaram o duelo muito favorável ao Rennes.

Esse resultado complicou a vida do Arsenal, que após o gol de Monreal apostou em uma estratégia conservadora, consciente de que a inferioridade numérica dificultava a reação. Pierre-Emerick Aubameyang foi inclusive substituído (78) por Sead Kolasinac, um zagueiro, quando o placar era de 2 a 1.

A equipe francesa havia surpreendido na segunda fase eliminando o Betis com uma vitória por 3 a 1 na Espanha, depois de um empate em 3 a 3 no jogo de ida na França.

O resultado nesta fase é ainda mais positivo e o Rennes vai viajar a Londres com uma boa vantagem no Emirates Stadium.

O Arsenal, quinto na Premier League e fora das posições que classificam à Liga dos Campeões, já havia perdido na ida da fase anterior (1 a 0 no estádio do BATE Borisov) mas conseguiu se classificar com uma vitória em casa por 3 a 0 sobre os bielorrussos.

Em outra partida das oitavas de final desta quinta-feira, o Benfica perdeu para o Dinamo em Zagreb por 1 a 0 e terá que reverter esse placar em Lisboa.

Já a Inter de Milão resistiu e segurou o empate em 0 a 0 com o Eintracht em Frankfurt.

O Villarreal conseguiu um excelente resultado ao vencer por 3 a 1 o Zenit de São Petersburgo na Rússia.

Já o também espanhol Sevilha não passou do empate em 2 a 2 em casa diante do Slavia de Praga. Com isso terá que buscar sua vaga nas quartas em um complicado duelo de volta na República Tcheca na próxima semana.

O Sevilla, que na rodada anterior eliminou a Lazio, é a equipe com mais títulos do torneio (Copa da Uefa/Europa League), com cinco, todos eles conquistados em uma década, entre 2006 e 2016.

bur/hap/dr/aam

Esporte