PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Monaco suspende técnico Thierry Henry

24/01/2019 17h53

Mônaco, 24 Jan 2019 (AFP) - O Monaco suspendeu o técnico Thierry Henry, apenas três meses e meio depois que o ex-jogador francês chegou à equipe, e promoveu seu auxiliar, Franck Passi, enquanto "aguarda uma decisão final", anunciou o clube nesta quinta-feira.

Henry, que havia sido anunciado em 13 de outubro após a demissão do português Leonardo Jardim, não conseguiu acertar o time, que ocupa a penúltima colocação na Ligue 1 francesa, na zona de rebaixamento, e acaba de sofrer duas derrotas humilhantes em seu estádio: 5 a 1 contra o Strasbourg no campeonato nacional e 3 a 1 contra o Metz (da 2ª divisão) na Copa da França.

Caso a demissão se confirme, a 'era Henry' chegaria a um fim precoce e o Monaco mudaria pela segunda vez de treinador nesta temporada. Passi chegou à equipe no dia 20 de dezembro para trabalhar como auxiliar de Henry.

Desde que voltou ao clube que o revelou, Henry conseguiu apenas duas vitórias com o Monaco na Ligue 1, diante do Caen (1-0) e do Amiens (2-0), sofreu sete derrotas e empatou duas partidas no campeonato.

Eliminado na Liga dos Campeões e na Copa da França, o Monaco segue vivo na Copa da Liga, onde vai jogar na próxima terça-feira contra o Guingamp pelas semifinais.

Muito tenso nos últimos dias, Henry se irritou recentemente com a arbitragem de vídeo e teve que se desculpar publicamente com um jogador do Strasbourg, Kenny Lala, depois de xingá-lo.

cb-eba/dr/aam

Esporte