PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Federer vence Del Potro e conquista oitavo título na Basileia

29/10/2017 18h12

Basiléia, Suíça, 29 Out 2017 (AFP) - O suíço Roger Federer conquistou o oitavo título do ATP 500 da Basileia neste domingo em sua cidade natal, depois de vencer de virada o argentino Juan Martín Del Potro por 6-7 (5/7), 6-4 e 6-3.

O segundo melhor tenista do ranking chegou ao 95º título na história do circuito. A vitória veio sobre o algoz nas quartas de final do US Open, em setembro, a última derrota de Federer.

Há duas semanas, o suíço já tinha conseguido superar Del Potro na semifinal do Masters 1000 de Xangai e terminou campeão do torneio.

Já o argentino, que conquistou o torneio de Estocolmo no final de semana passado, já tinha vencido o torneio da Basileia em 2012 e 2013. Em ambos os títulos, superou Federer na decisão, façanha que não conseguiu repetir desta vez.

No jogo, o suíço não decepcionou e apresentou tênis de alto nível para os compatriotas. Depois de um primeiro set equilibrado e decidido no tie-break, Federer dominou os sets seguintes e confirmou a vitória.

Nos confrontos diretos, Federer domina o duelo contra Del Potro com 18 vitórias contra 6 do argentino.

Foi o sétimo título do suíço no ano, além do Aberto da Austrália, Indian Wells, Miami, Halle, Wimbledon e Xangai. A última vez que conquistou tantos títulos num mesmo ano foi em 2007, quanto terminou a temporada com oito troféus.

"Está em uma forma fantástica. Espero estar com esta forma na sua idade, mas não acho que vai ser assim", parabenizou Del Potro na cerimônia de entrega os troféus.

Com oito títulos jogando em casa, Federer confirma o torneio como um de seus favoritos ao lado de Halle e Wimbledon, onde já levantou o troféu nove e oito vezes, respectivamente.

O título deixa viva a possibilidade do suíço terminar o ano na frente do rival Rafael Nadal no topo do circuito.

No entanto a missão é praticamente impossível, já que os organizadores do Masters 1000 de Paris confirmaram a ausência de Federer na competição. O suíço vai se poupar para o ATP Finals de Londres, disputado entre os dias 12 e 19 de novembro.

"Meu corpo está pedindo descanso. Basileia pede muito de mim emocionalmente. Tive cinco jogos em seis dias e sinto muito por Paris", explicou Federer.

"Gosto de jogar lá, mas já faz várias edições que não jogo. Não é fácil, mas é preciso entender que para eu ficar sem lesões e saudável", acrescentou.

Esporte