PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Liga inglesa defende bola criticada por Guardiola e jogadores do City

Pep Guardiola gesticula durante o jogo entre Manchester City e Wolverhampton - AFP PHOTO / Anthony DEVLIN
Pep Guardiola gesticula durante o jogo entre Manchester City e Wolverhampton Imagem: AFP PHOTO / Anthony DEVLIN

25/10/2017 16h55

Londres, 25 Out 2017 (AFP) - Nesta quarta-feira (25), a Liga Inglesa (EFL) defendeu a bola usada nas oitavas de final da Copa da Liga, após as duras críticas do técnico espanhol Pep Guardiola e de alguns jogadores do Manchester City.

"A bola 'Mitre' usada nesta temporada na Copa da Liga responde às mesmas especificações técnicas que a bola usada em todas as ligas (2ª, 3ª, 4ª divisões), que respondem aos programas e parâmetros de qualidade da Fifa", escreveu a EFL em nota.

"Claramente, as preferências são de ordem subjetiva. No geral, o espetáculo das oitavas de final parece sugerir que a bola não teve impacto negativo na competição", completou o texto. A EPL, porém, afirmou que "entrará em contato com Guardiola e o Manchester City para escutar suas dúvidas antes da próxima rodada".

Na terça-feira, os Citizens, líderes do Campeonato Inglês, não conseguiram sair do 0 a 0 com o Wolverhampton, da segunda divisão, e só garantiram a vaga na próxima fase após disputa de pênaltis.

Depois da partida, alguns jogadores e Guardiola se queixaram da qualidade da bola. "Não gostei. É preciso algo melhor, é leve demais. No meu país não se usaria esse tipo de bola", criticou o meia marfinense Yaya Touré.

Para Guardiola, o uso dessa bola "não era sério para um jogo profissional. É inaceitável jogar com essa bola, não tem nenhum peso".

Esporte