PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Torcida no jogo entre Tailândia e Austrália terá que respeitar luto pela morte do rei

21/10/2016 07h55

Bangcoc, 21 Out 2016 (AFP) - A Federação Tailandesa de Futebol anunciou nesta sexta-feira que a partida pelas eliminatórias da Copa do Mundo de 2018 entre Tailândia e Austrália, dia 15 de novembro, será disputada, apesar do luto pela morte do rei Bhumibol Adulyadej, mas a manifestação da torcida estará proibida.

"Todos os gritos e acessórios como tambores, amplificadores de voz e bandeiras, estarão proibidos no estádio durante a partida", disse o porta-voz da federação, Patit Suphaphongs.

"Os torcedores deverão vestir preto, cinza ou qualquer outra cor escura", completou.

Os dirigentes chegaram a cogitar em um primeiro momento a possibilidade de disputar a partida com portões fechados.

Em um país onde as pessoas têm o hábito de usar roupas coloridas, a maioria dos tailandeses segue o luto pela morte do rei em 13 de outubro.

O respeito ao luto real é um assunto de Estado, em um país onde o rei era considerado um semideus.

Os funcionários públicos tailandeses devem permanecer de luto por um ano. O país suspendeu todos os eventos lúdicos e festivos. Além disso, as pessoas que saem às ruas sem roupas escuras são agredidas.

ask-ssm-dth/fp

Esporte