PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Atacante inglês leva gancho de 4 jogos por declarações homofóbicas

Gray, que já pediu desculpas pelas ofensas, tammém terá que pagar uma multa - Divulgação/Burnley
Gray, que já pediu desculpas pelas ofensas, tammém terá que pagar uma multa Imagem: Divulgação/Burnley

AFP

23/09/2016 16h50

O atacante inglês do André Gray, do Burnley, clube recém-promovido à Premier League, foi suspenso por quatro jogos por "má conduta", por conta de declarações homofóbicas publicadas no Twitter em 2012, anunciou a Federação Inglesa de Futebol (FA) nesta sexta-feira.

A entidade considerou os tuítes "ofensivos e insultantes" e suspendeu o jogador "com efeito imediato". Gray, que já pediu desculpas pelas ofensas, também terá que pagar uma multa de 28,8 mil euros (R$ 105 mil).

Eleito melhor jogador da segunda divisão inglesa na temporada passada, o atacante de 25 anos ainda não jogava na elite quando postou as mensagens homofóbicas, que voltaram a tona após seus dois gols diante do Liverpool, no dia 20 de agosto, pela Premier League (2-0).

"Sou eu ou há homossexuais por todos os lados? #Queimar #Matar #MeFazMal", tinha postado o atleta em 2012.

"Posso afirmar a todo mundo que não sou de maneira alguma homofóbico, e só posso reiterar minhas desculpas e pedir perdão a quem se sentiu ofendido", declarou o jogador depois da enxurrada de críticas que seguiu a revelação dos tuítes de quatro anos atrás.

"Gray está arrependido e prometeu, no seu pedido de desculpas, continuar melhorando, como pessoa e como modelo para os outros", reagiu o Burnley em um comunicado.
 

Esporte