PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Catar quer aumentar participação feminina nas Olimpíadas

26/04/2016 14h26

Doha, 26 Abr 2016 (AFP) - Dirigentes catarianos explicaram nesta terça-feira que pretendem enviar mais atletas femininas nos Jogos Olímpicos do Rio-2016 do que em Londres-2012, quando apenas quatro mulheres haviam comparecido, na primeira participação feminina do país.

"Neste ano, haverá um número maior de mulheres", garantiu Thani Abdelrahman Al-Kuwari, secretário-geral do Comitê Olímpico catariano.

Duas atletas femininas já carimbaram a vaga para o Rio-2016 e "as seletivas continuam e várias modalidades", acrescentou Mohammed Al-Fadala, diretor da delegação catariana que viajará à Cidade Maravilhosa.

Uma das mulheres garantidas para os Jogos é a nadadora Nada Arkaji, que já havia participado ao evento em Londres, há quatro anos.

O Catar, que ganhou em 2010 o direito de sediar a Copa do Mundo de futebol de 2022, em meio a um processo manchado por várias polêmicas, vem organizado vários eventos esportivos de nível mundial e sonha em receber uma Olimpíada no futuro.

Esporte