PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Técnico do Olympique rebate com ironia comparações com Bielsa

12/01/2016 14h20

Marselha, 12 Jan 2016 (AFP) - O espanhol Michel, que assumiu o comando do Olympique de Marselha no lugar do argentino Marcelo Bielsa, tentou disfarçar com ironia a irritação com as eternas comparações com 'El Loco', que era muito querido pela torcida, mas abandonou o time em agosto.

"Neste ano, tudo mudou. O treinador não é tão bom quanto antes", disse Michel com sorriso amarelo, em entrevista coletiva realizada nesta terça-feira, na véspera do duelo com o Toulouse, pelas quartas de final da Copa da Liga Francesa.

"No ano passado, o objetivo era a classificação para a Liga dos Campeões, e o OM não tinha conseguido, apesar de ter uma boa equipe e um técnico maravilhoso", acrescentou o espanhol.

"A meta desta temporada é a mesma, e estamos a 4 pontos do quarto lugar (classificação final do time na temporada passada). Não é tão ruim assim, para um time que deixou escapar tantos pontos em casa", completou.

No dia 8 de agosto, Bielsa fez jus ao apelido de 'El Loco' ao pedir demissão, para a surpresa de todos, depois da estreia do time na Ligue 1 (derrota por 1 a 0 para o Caen).

No último domingo, o Olympique empatou sem gols em casa com o Guingamp, e a torcida gritou o nome do técnico argentino.

Esporte