PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Jornais britânicos chamam decisão da F1 de 'controversa'

12.12.21 - Max Verstappen exibe troféu e comemora vitória em Abu Dhabi e campeonato mundial  - REUTERS/Ahmed Jadallah
12.12.21 - Max Verstappen exibe troféu e comemora vitória em Abu Dhabi e campeonato mundial Imagem: REUTERS/Ahmed Jadallah

Josué Seixas

Colaboração para o UOL, em Morro de São Paulo

12/12/2021 13h06

A discussão sobre a vitória de Max Verstappen será longa. A Mercedes vem protestando as decisões tomadas pela direção de prova, assim como pilotos, à exemplo de George Russel, que será companheiro de Hamilton no ano que vem.

Quatro carros que tinham levado volta estavam entre Verstappen e Hamilton. Os comissários, primeiro, disseram que os carros manteriam as suas posições com a saída do safety car. Depois, disseram que os carros deveriam ultrapassar o safety car para o reinício da prova, o que deixou Verstappen e Hamilton colados.

Os jornais ingleses chamaram essa decisão de 'controversa'.

"Em circunstâncias controversas, o safety car deixou a pista com só uma volta restante, o que levou a um duelo entre Hamilton e Verstappen para decidir o título com só uma viagem pelo circuito. O holandês passou Hamilton na volta cinco e, apesar dos esforços do britânico, segurou a posição para ganhar seu primeiro título", escreveu o Daily Mail.

A mesma posição foi tomada pelo The Guardian. "Max Verstappen assegurou seu primeiro título na Formula 1 com a vitória no GP de Abu Dhabi numa tensa e extremamente controversa decisão de temporada".

Esporte