PUBLICIDADE
Topo

Vôlei

'Tudo o que não queremos', lamenta Dal Zotto sobre caso de Maurício Souza

Técnico da seleção brasileira de vôlei repercutiu polêmica, mas não cravou decisão sobre futuras convocações - Toru Hanai/Getty Images
Técnico da seleção brasileira de vôlei repercutiu polêmica, mas não cravou decisão sobre futuras convocações Imagem: Toru Hanai/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

27/10/2021 08h36

O técnico da seleção brasileira de vôlei, Renan Dal Zotto, lamentou a polêmica em torno do caso envolvendo o atleta Maurício Souza, que foi afastado do Minas Clube em função de um post homofóbico divulgado há duas semanas.

Em entrevista ao jornal O Globo, o treinador disse ainda que vai se "inteirar" melhor do assunto, que também tem Douglas Souza como pivô - homossexual, o ponteiro rebateu publicamente as declarações do central. Os dois fazem parte, constantemente, da equipe do Brasil.

"Quero deixar bem claro que nunca aconteceu nada parecido com isso na seleção. Vou me inteirar melhor do que está acontecendo porque não sou assíduo das redes sociais e não estava acompanhando no detalhe. Mas digo que isso que está acontecendo agora é tudo o que não queremos no nosso esporte", disse Renan.

Ao ser questionado sobre a ausência de Maurício em futuras convocações, o técnico preferiu não cravar uma definição diante da incerteza sobre a presença de Maurício na Superliga de vôlei.

"Ele vai jogar em algum momento? Não sabemos. Então, como posso falar em convocação? Não sei o que vai acontecer e por isso não posso falar sobre isso agora. Eu lamento tudo isso mas entendo que a decisão do Minas pertence ao Minas. Assim como a posição do Maurício pertence a ele e somente a ele. E a posição do Douglas é do Douglas. Sempre houve total respeito no nosso grupo e é isso que vamos manter", finalizou ao veículo.

Vôlei