PUBLICIDADE
Topo

Vôlei

Fe Garay explica 'descanso' da seleção: 'Ser mãe sempre foi um sonho'

Fernanda Garay em quadra, durante Olimpíadas de Tóquio: atleta até virou meme nas redes sociais por suas reações durante os jogos - Reprodução/Instagram
Fernanda Garay em quadra, durante Olimpíadas de Tóquio: atleta até virou meme nas redes sociais por suas reações durante os jogos Imagem: Reprodução/Instagram

Do UOL, em São Paulo

26/10/2021 19h15

Fernanda Garay voltou a falar sobre o seu futuro na seleção brasileira feminina de vôlei. Em entrevista à 'Revista Crescer', a jogadora negou a aposentadoria e disse que pretende apenas 'dar um respiro' para realizar o seu sonho de ser mãe.

"O voleibol foi minha vida por todos estes anos, agora quero me permitir viver este novo presente, minha maternidade e entender como será essa nova vida e essa mãe que virá. Ser mãe sempre foi um sonho. Estes anos eu me dediquei 100% ao vôlei. Minha família ficou em segundo plano, não sei se vou conseguir deixar meu filho", começou por dizer a jogadora.

Destaque nas Olimpíadas de Tóquio entre as comandadas de José Roberto Guimarães, a ponteira disse que a decisão de focar na família era algo que trabalhava desde 2016, mas esperou o momento certo para amadurecer a ideia e colocar em prática.

"Tem muito tempo que amadureci essa ideia dentro de mim. Minha carreira toda foi muito planejada. Na minha cabeça, eu fecharia meu ciclo olímpico em 2016. Me dediquei muito para os jogos do Rio de Janeiro, queria manter o melhor nível possível, mas o resultado foi bastante frustrante. Então, naquele momento eu não consegui me despedir da Seleção", disse ela, que completou:

"Em 2018, quando tive a oportunidade de voltar, foi uma surpresa. Durante a pandemia me recuperei fisicamente e pensei que seria uma oportunidade de encerrar esse ciclo de uma forma bonita."

Casada desde 2017 com o ex-jogador de basquete Márcio Santos, Fê Garay está com 35 anos e defendendo o Praia Clube, atualmente. Em seu cartel de títulos, a brasileira conta com um ouro olímpico, em 2012 e uma prata, em Tóquio.

Vôlei