PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Lutador morre aos 38 anos após nocaute em evento de boxe sem luvas

Justin Thornton sofreu nocaute em agosto, ficou internado e morreu - Reprodução/Instagram
Justin Thornton sofreu nocaute em agosto, ficou internado e morreu Imagem: Reprodução/Instagram

Do UOL, em São Paulo

05/10/2021 09h22

O lutador americano Justin Thornton morreu, aos 38 anos, após sofrer um nocaute em agosto em duelo do BKFC, organização de lutas de boxe sem luvas.

Thornton foi nocauteado por Dillon Cleckler no BKFC 20, realizado em 20 de agosto, nos Estados Unidos. A luta durou apenas 19 segundos. O americano caiu de cara no chão após troca de socos. O atleta de 38 anos foi hospitalizado depois do combate e não se recuperou.

Segundo a imprensa dos EUA, Thornton ficou parcialmente paralisado após a luta e também teve uma infecção causada por uma lesão na medula espinhal.

"Ficamos muito tristes com o falecimento de um de nossos lutadores, Justin Thornton, que competiu no BKFC 20 em 20 de agosto de 2021. Nos juntamos ao resto da comunidade de esportes de combate para enviar nossas mais profundas condolências à sua família e entes queridos", disse o presidente do BKFC, David Feldman, em nota.

"Falamos com sua família, transmitindo nossas condolências e informando que eles contam com nosso total apoio durante este período difícil", acrescentou.

Thornton também fez carreira no MMA, com um cartel de seis vitórias e 18 derrotas, e enfrentou nomes do UFC, como Chase Sherman e Walt Harris.

Esporte