PUBLICIDADE
Topo

Vôlei

A vida de Piccinini após o vôlei: dirigente e exercícios aos 42 anos

Francesca Piccinini, ex-jogadora de vôlei, segue ligada ao esporte após a aposentadoria das quadras - Reproduçao/Instagram
Francesca Piccinini, ex-jogadora de vôlei, segue ligada ao esporte após a aposentadoria das quadras Imagem: Reproduçao/Instagram

Do UOL, em São Paulo

01/10/2021 14h57

A italiana Francesca Piccinini se aposentou do vôlei em 2021, mas continua ligada ao esporte. Multicampeã na modalidade, a ex-atleta é dirigente da equipe Busto Arsizio.

Entre as principais funções, Piccinini acompanha de perto os projetos esportivos do time, em especial o elenco juvenil do Busto Arsizio, mas também dá suporte técnico à comissão da equipe principal.

Mesmo fora das quadras, a ex-atleta, que já trabalhou como modelo, atriz e foi capa da Playboy em 2011, segue se exercitando para manter a saúde em dia aos 42 anos.

"Deixei os tempos de treinos intensos para trás, mas meu corpo precisa se manter em forma até hoje. Então, todos os dias tento fazer alguma coisa. Quando posso, vou para a academia, onde faço principalmente exercícios com os aparelhos", disse ao jornal Gazzetta dello Sport. "Tento arranjar pelo menos uma hora, senão uma hora e meia todos os dias", acrescentou.

Piccinini ainda afirmou que pretende se arriscar em novas modalidades depois da aposentadoria no vôlei.

"Até agora, não fiz outra coisa senão voleibol, mas me interessam. Acho que neste inverno vou me inscrever em alguns cursos. Crossfit, zumba. Ainda não sei", explicou a italiana, que ainda deu um conselho para quem passou dos 40 anos e planeja continuar ativo.

"Escute o seu corpo. Tudo só pode começar daí", declarou.

Vôlei