PUBLICIDADE
Topo

Fórmula 1

Carlos Sainz culpa Verstappen por batida em Hamilton: 'Não foi acidental'

Piloto da Ferrari acredita que batida foi intencional - Formula 1 via Getty Images
Piloto da Ferrari acredita que batida foi intencional Imagem: Formula 1 via Getty Images

Do UOL, em São Paulo

17/09/2021 12h23

Carlos Sainz, da Ferrari, disse que a batida entre Hamilton e Verstappen "foi claramente culpa do holandês". O piloto acredita que uma colisão como aquela, que terminou com o carro de Verstappen em cima de Hamilton, não tinha como ter sido acidental.

"Do meu ponto de vista, é bastante claro. Acredito que batidas são sempre evitáveis. Então, bater como eles bateram, não tinha como ser acidental". O acidente ocorreu no último domingo (12), durante o GP da Itália. Hamilton também diz que a batida foi intencional, enquanto Verstappen afirma que foi o inglês quem provocou o acidente.

Sainz completou dizendo que, conforme a briga pelo título fica mais acirrada, mais acidentes entre os dois irão acontecer. "Acho que é uma coisa natural na Fórmula 1. Dois pilotos que estão lutando pelo campeonato tendem a colidir com mais frequência do que outros".

A F1 divulgou novas imagens da batida, por ângulos das câmeras acopladas aos carros de Hamilton e Verstappen. Nas imagens, possível ver que o assoalho do carro de Verstappen se choca com o halo (sistema de segurança que protege a cabeça dos pilotos) da Mercedes e que o pneu traseiro da Red Bull atinge a antena e a própria câmera.

O halo, incorporado aos carros em 2018, foi crucial para evitar uma consequência mais grave para Hamilton. Ao final, nenhum dos dois se machucou e ambos tiveram de abandonar os carros. Os dois são os líderes do campeonato - Verstappen tem 226,5 pontos, enquanto Hamilton tem 221,5 pontos.

Fórmula 1