PUBLICIDADE
Topo

MMA


MMA

Lutador do UFC é preso nos EUA por agressão, roubo e conduta criminosa

Luis Pena é preso nos EUA - Reprodução/Instagram
Luis Pena é preso nos EUA Imagem: Reprodução/Instagram

Colaboração para o UOL, em São Paulo

20/06/2021 10h43

Luis Peña, que integra o plantel do peso-leve do UFC, foi detido na Flórida na última sexta-feira, 18, pela polícia em Coral Springs, sob a acusação de roubo por sequestro repentino, agressão e dano criminal, de acordo com registros online.

'Violent Bob Ross', como é conhecido no meio da luta, estava sob custódia no Centro de Detenção do Condado de Broward (Flórida) até a tarde de sábado, 19.

"Provavelmente quem fez a ligação anonimamente está envolvido no caso e queria que ele fosse para a prisão", disse Christian Swinson, oficial da polícia de Coral Springs ao site americano MMA Fighting, que inicialmente relatou sobre a prisão do lutador.

Peña, de 27 anos, não tem luta marcada. Ele não compete desde sua vitória em abril sobre Alexander Munoz. Na última quarta-feira, 16, o atleta publicou no Twitter um texto que indicava lutas recentes com problemas de saúde mental.

"As pessoas não se sentem à vontade para falar sobre isso, mas passei por sérios problemas de saúde mental durante toda a minha vida e finalmente ganhei forças para receber e aceitar a ajuda que precisava há muito tempo", escreveu.

Nem o UFC nem a equipe de Peña se manifestaram sobre sua prisão.

MMA