PUBLICIDADE
Topo

UOL Esporte vê TV

Rizek diz que 'manifesto Frankenstein' não surpreende: 'Eu já esperava'

André Rizek  não se surpreende com manifesto de jogadores da seleção brasileira - Reprodução/SporTV
André Rizek não se surpreende com manifesto de jogadores da seleção brasileira Imagem: Reprodução/SporTV

Colaboração para o UOL, em São Paulo

09/06/2021 14h01

O apresentador André Rizek não se surpreendeu com o manifesto dos jogadores da seleção brasileira, divulgado ontem, após vitória por 2 a 0 sobre o Paraguai, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo.

No "Seleção SporTV", Rizek afirmou que já esperava o "texto Frankenstein", e acredita que a decepção em relação ao tom do manifesto está relacionada à alta expectativa das pessoas.

"É muito texto e pouca informação direta, mas é algo que eu já esperava, por tudo aquilo que eu já vinha apurando, e pelo que a gente vinha divulgando aqui. Eles fizeram meio que um texto Frankenstein, deixando claro que há um desconforto, e eu informo que esse desconforto, em boa parte, é porque eles queriam férias, e acho legítimo da parte deles quererem férias", iniciou Rizek.

"A pergunta que eu faço a você que está em casa é a seguinte: Você está decepcionado com o texto ou com a expectativa que você tinha do que seria o texto? Acho que a maior parte das pessoas está decepcionada porque projetou um manifesto, uma posição política muito forte, e ela não veio, como não viria", completou.

O apresentador ainda prestou uma "mini solidariedade" aos jogadores da seleção brasileira.

"Eu quero prestar uma mini solidariedade no seguinte sentido: uma coisa é você ter a sua posição pessoal. (...) Uma vez os eventos acontecendo, a minha obrigação é cobrir esses eventos. Então, fazendo um paralelo, os jogadores vão jogar a Copa América, mesmo que alguns não se sintam confortáveis", falou.

UOL Esporte vê TV