PUBLICIDADE
Topo

UOL Esporte vê TV

Casão critica Bolsonaro por Copa América: 'Deveria proteger seu povo'

Casagrande critica Bolsonaro por Copa América - Reprodução/SporTV
Casagrande critica Bolsonaro por Copa América Imagem: Reprodução/SporTV

Colaboração para o UOL, em São Paulo

31/05/2021 22h56

O comentarista Walter Casagrande criticou o presidente Jair Bolsonaro após o anúncio de realização da Copa América no Brasil, hoje, pela Conmebol.

Presente no "Bem, Amigos", Casão afirmou que Bolsonaro "deveria proteger o seu povo", e não colocá-lo "à merce" da covid-19. O comentarista também recordou a demora na compra de vacinas.

"Eu quero falar como cidadão brasileiro, não como ex-jogador ou comentarista esportivo. Eu acho um escândalo isso. Num país que já morreram mais de 460 mil pessoas, e continua morrendo muita gente. Nós não temos vacina para nós. O senhor Jair Bolsonaro não teve agilidade para comprar vacina, ele teve agilidade para deixar acontecer essa Copa América. Isso é uma das coisas mais absurdas, porque ele é o presidente do país, que deveria proteger o seu povo, não colocar o seu povo à mercê desse vírus", afirmou Casagrande.

"Eu estou bastante assustado, mas não decepcionado nem surpreso, porque o seu Rogério Caboclo, para mim, não surpreendeu em nada, muito menos o seu Jair Bolsonaro. Eu estou indignado com o que está acontecendo com o nosso país. É uma das coisas mais escandalosas que eu já vi na minha vida. Eu nunca vi a pessoa que você mais tem que confiar te colocar numa situação de risco, frente a frente com o vírus", completou o comentarista.

Apesar do anúncio, a Casa Civil informou que ainda não recebeu um pedido oficial da Conmebol ou da CBF para que o Brasil sedie a Copa América.

UOL Esporte vê TV