PUBLICIDADE
Topo

UOL Esporte vê TV

Matt Damon construiu amizade com François Pienaar ao retratá-lo em Invictus

Matt Damon interpretou François Pienaar em Invictus - Reprodução
Matt Damon interpretou François Pienaar em Invictus Imagem: Reprodução

Do UOL, em São Paulo

17/05/2021 04h00

Aprender rúgbi foi o de menos para Matt Damon retratar o icônico François Pienaar no filme "Invictus". O ator, que foi indicado ao Oscar por seu trabalho nessa produção, captou detalhes minuciosos do ex-atleta que, ao lado de Nelson Mandela (interpretado por Morgan Freeman), foi símbolo de unificação e pacificação da África do Sul através do esporte. O longa-metragem que conta essa história é a atração de hoje na Sessão da Tarde, da TV Globo.

Após o fim do apartheid, o recém-eleito presidente Nelson Mandela lidera uma África do Sul que é racial e economicamente dividida. O líder se agarra com todas as forças na ideia de unificar a nação com um amor em comum da população mundial: esporte.

Para isso, Mandela pede uma ajuda especial e se une a François Pienaar, capitão dos Springboks, como é conhecida a seleção nacional de rúgbi — o esporte mais popular do país. A parceria conquistou a união dos sul-africanos, que torceram pela seleção do país na Copa Mundial de Rúgbi de 1995.

Damon leu muitos livros e conviveu com François Pienaar para ajustar características marcantes e o sotaque. Seis meses antes das gravações, o ator focou na forma física, mas o que mais chocou o ex-atleta ao "se ver" nas telonas foi uma prótese usada pelo artista para simular o nariz do sul-africano.

"Tem algo de mim em certos trejeitos e a maneira como Damon andava", disse Pienaar quando questionado pelo "The Independent" se foi uma experiência estranha assistir a si mesmo. "Obviamente, reconheci a maneira como ele falava também. Mas, mais do que tudo, a aparência impressionou".

"Eles construíram uma prótese para o nariz de Matt. Eu tenho um nariz grande que foi quebrado muitas vezes. Quando Morne du Plessis (ex-jogador do Springboks) foi ao set pela primeira vez e viu Matt usando essa prótese e com o cabelo igual ao meu, ele disse que foi assustador. Morne ficou arrepiado quando olhou para Matt", relatou Pienaar.

Em entrevista ao "G1" em 2010, época de lançamento do filme, Damon falou sobre a preocupação em orgulhar Pienaar. "Eu nunca fiquei tão ansioso para interpretar um personagem como desta vez e assumi uma grande responsabilidade ao interpretá-lo. Queria realmente captar a integridade do François porque ele também foi um líder, e Nelson Mandela reconheceu isso", disse.

E há quem pense que o assunto era só o rúgbi. Não... Pienaar foi uma espécie de guia turístico e rodou pela Cidade do Cabo com Matt Damon, Morgan Freeman e o diretor Clint Eastwood. No fim do passeio, eles se reuniram para jogar golfe, segundo contou o ex-atleta sul-africano.

Invictus será exibido às 15 horas, hoje, na Sessão da Tarde.

Errata: o texto foi atualizado
Ao contrário do que foi publicado, os Springboks não são um time de rúgbi, mas o apelido da seleção de rúgbi da África do Sul. O erro foi corrigido.

UOL Esporte vê TV