PUBLICIDADE
Topo

Basquete

Conheça J. Cole, o rapper que vai jogar basquete em liga parceira da NBA

Rapper J. Cole vai jogar pelo Rwanda Patriots, da Basketball Africa League - Reprodução
Rapper J. Cole vai jogar pelo Rwanda Patriots, da Basketball Africa League Imagem: Reprodução

Colaboração para o UOL, em São Paulo (SP)

14/05/2021 04h00

O rapper americano J. Cole fará sua estreia pelo Patriots, de Ruanda, contra o Rivers Hoopers, da Nigéria, neste domingo (16), pela Basketball Africa League — liga que conta com o apoio da NBA e FIBA. O músico assinou contrato com a equipe no começo da semana para jogar de três a seis jogos no basquete profissional.

No entanto, o artista de 36 anos não está apenas se aventurando dentro do esporte. Em uma entrevista ao portal americano 'Bleacher Report', Matt Starks, amigo de Cole desde o jardim de infância, afirmou que o principal amor do rapper fora da música é o basquete.

Durante o ensino médio na Terry Sanford High School, Cole não conseguiu entrar no time de basquete no ano em que foi calouro, mas virou o gerente da equipe. Como queria fazer parte da equipe de qualquer forma, ele passou a treinar como um atleta profissional.

"Foi a primeira vez que comecei a trabalhar como um verdadeiro jogador de basquete: mil arremessos por dia, sprints, exercícios de minuto, quadra inteira um a um com o jogador estrela do time, todos os dias, literalmente, durante todo o ano letivo e depois durante todo o verão", afirmou ao site americano Ball Is Life.

J Cole - The Fayetteville Observer - The Fayetteville Observer
Imagem: The Fayetteville Observer

Após muito esforço para conseguir entrar no time, Cole conseguiu espaço no basquete por conta de sua altura. No ensino médio ele tinha 1,90 m, algo fora do normal para os meninos de sua idade. Foi nessa época que ele conheceu o rap.

O técnico do músico nessa época, Michael Broadhurst, afirmou ao 'Bleacher Report' que ele fazia rap nas viagens de ônibus, quando o time tinha que jogar fora de casa e que ele não fazia ideia dessa paixão de Jermaine — nome verdadeiro do cantor.

Na faculdade, J Cole optou pela St. John's University, em Nova Iorque. Ele se inscreveu para o time de basquete, foi ao primeiro dia da seleção, mas não voltou ao segundo. Tinha escolhido o rap. Para não se afastar do esporte, ele continuou treinando, mas com a equipe feminina para ajudá-las com a competitividade e dar apoio.

Após se formar em 2007, o rapper assinou contrato com a gravadora de Jay-Z, a Roc Nation. Participou do álbum 'The Blueprint', do veterano, e lançou sua mixtap 'The Warm Up' com referências a LeBron James em duas músicas.

Com cinco álbuns produzidos, J Cole lança o sexto nesta sexta-feira, se chamará "The Off-Season" e tem certa ligação com o basquete.

Cole sempre foi muito próximo aos eventos da NBA e dos jogadores da principal competição de basquete do mundo. Inclusive, em 2019, fez parte do campeonato de enterradas na semana do All-Star Game. Ele sentou em uma cadeira, enquanto o armador Dennis Smith Jr. pulou por sua cabeça.

Basquete