PUBLICIDADE
Topo

Neymar "congela" em campo na eliminação do PSG para o City na Champions

Neymar reage na partida entre PSG e Manchester City na semifinal da Champions
Neymar reage na partida entre PSG e Manchester City na semifinal da Champions
REUTERS/Phil Noble

Lello Lopes

Do UOL, em São Paulo

04/05/2021 18h06

Não foi só o campo que congelou com o frio de 7ºC em Manchester. Neymar também não conseguiu botar fogo na partida e viu o PSG ser eliminado para o Manchester City ao perder o jogo de volta da semifinal por 2 a 0. Na semana passada o time já tinha levado um sacode de 2 a 1 em Paris.

Continua depois da publicidade

O brasileiro sentiu falta de Mbappé. O craque francês não se recuperou de uma contusão muscular e ficou o tempo todo no banco de reservas.

Laurence Griffiths/Getty Images - Laurence Griffiths/Getty Images
Imagem: Laurence Griffiths/Getty Images

Neymar brigou, reclamou, caiu. Mas não conseguiu produzir em campo. Ele só conseguiu chutar para o gol no último lance do jogo, em uma cobrança de falta que foi para fora.

PHIL NOBLE/REUTERS - PHIL NOBLE/REUTERS
Imagem: PHIL NOBLE/REUTERS

Neymar ainda deu outros quatro chutes para o gol, mas todos foram bloqueados pela zaga do City.

Para piorar, Neymar jogou praticamente sozinho. Icardi foi inoperante o tempo todo. Di Maria quase marcou um gol no primeiro tempo, mas acabou com a chance de reação do PSG ao ser expulso ao agredir Fernandinho logo após o segundo gol do City.

Continua depois da publicidade

Campo congelado

A verdade é que a vida em campo não estava fácil pra ninguém. O gramado no Etihad Stadium estava congelado.

REUTERS/Phil Noble - REUTERS/Phil Noble
Imagem: REUTERS/Phil Noble

Mas o jogo começou quente. Juizão marcou pênalti nesse lance de Zinchenko, mas o VAR evitou o erro e salvou o City.

Na sequência Mahrez abriu o placar, aproveitando um lançamento de Ederson que abriu o contra-ataque do City,

BENOIT TESSIER/REUTERS - BENOIT TESSIER/REUTERS
Imagem: BENOIT TESSIER/REUTERS
Continua depois da publicidade

Tirando uma bola na trave de Marquinhos e um chute de longe de Di Maria, o restante do primeiro tempo não teve muita emoção. Além do gol, o City só conseguiu pressionar nos últimos minutos.

ANNE-CHRISTINE POUJOULAT/AFP - ANNE-CHRISTINE POUJOULAT/AFP
Imagem: ANNE-CHRISTINE POUJOULAT/AFP

No segundo tempo, o PSG não conseguiu levar perigo ao gol do City. E em mais um contra-ataque Mahrez fez o segundo gol. Depois, o City colocou o PSG na roda e só esperou o tempo acabar para se classificar para a final da Champions pela primeira vez.

Continua depois da publicidade