PUBLICIDADE
Topo

Grêmio

Diego Souza admite que não gostava de atuar como camisa 9

Diego Souza diz que não gostava de atua como camisa 9 - Reprodução/SporTV
Diego Souza diz que não gostava de atua como camisa 9 Imagem: Reprodução/SporTV

Colaboração para o UOL, em São Paulo

05/04/2021 23h31

Atacante do Grêmio, Diego Souza admitiu que "não gostava muito" de atuar como camisa 9. "Descoberto" na função por Tite, em 2017, na seleção brasileira, o jogador afirmou que "não conseguia ficar muito tempo sem encostar na bola", nem "depender" dos companheiros.

O centroavante do Grêmio, porém, destacou a importância de atuar em uma "equipe pronta" para a sua adaptação na nova função.

"Eu me descobri 9 quando o Tite optou por começar a me levar para a seleção como um 9. Para falar a verdade, eu não gostava muito. Eu não conseguia ficar muito tempo lá sem encostar na bola, dependendo muito dos meus companheiros. Eu gostava de jogar um pouco mais de frente", contou Diego em entrevista ao "Bem, Amigos".

"No Grêmio foi onde peguei uma equipe mais pronta, onde você joga a maioria dos jogos em cima do adversário, e isso facilitou, porque sou um cara que gosta de cabecear e finalizar, e a bola acaba passando bastante dentro da área. Consegui me adaptar", completou o jogador.

Diego Souza ainda exaltou o meio-campo do Tricolor gaúcho, assim como Maicon e Jean Pyerre.

"O meio-campo do Grêmio sempre foi o coração do nosso time. Maicon sempre foi uma peça de extrema importância. A qualidade a intensidade e a qualidade de jogo que o Maicon tem são diferenciadas. É um jogador que a gente torce para que esteja sempre bem, porque é uma peça fundamental para a nossa equipe", destacou Diego.

"O Jean Pyerre é um garoto extremamente bom de grupo, com qualidade acima da média. Ele tem um controle de bola, uma percepção de marcação, uma visão de jogo que é diferenciada. Já joguei com grandes jogadores, com qualidade muito acima da média, e coloco o Jean Pyerre entre eles", seguiu.

Em relação ao jogo contra o Independiente del Valle (EQU), quarta-feira (7), pela Copa Libertadores, Diego afirmou que a equipe está focada em trazer um "bom resultado" para o Rio Grande do Sul.

"A gente sabe da dificuldade. Algumas equipes já vieram aqui e passaram muito sufoco. Tem um pouquinho de altitude, e isso já atrapalha um pouquinho, mas a gente sabe de toda essa dificuldade e vai procurar fazer bem o que a gente treinou para sair daqui com um bom resultado", disse.

Grêmio