PUBLICIDADE
Topo

Fórmula 1

Grosjean diz que pensar nos filhos o ajudou a sair do fogo no GP do Bahrein

Do UOL, em São Paulo

22/02/2021 17h19

O piloto Romain Grosjean ainda se recupera do acidente sofrido no Grande Prêmio do Bahrein de Fórmula 1, em novembro do ano passado. Ele, que recentemente tirou as bandagens de sua mão esquerda, lembrou dos momentos que passou no fogo e conta o que o fez lutar pela vida.

Grosjean sofreu um acidente impressionante no início do GP do Bahrein, no dia 29 de novembro do ano passado. O piloto viu o carro ser partido ao meio e ficar coberto de chamas após se chocar com o guard rail. Ele ficou 28 segundos cercado pelo fogo, mas saiu praticamente ileso.

"Eu estava em paz e aceitando isso, mas foi aí que pensei em meus filhos e que não poderia deixar três filhos sem um pai", disse Grosjean sobre os filhos Sacha e Simon e a filha Camille em entrevista à CNN.

O francês afirmou que não sabia quanto tempo tinha ficado no meio das chamas, mas que diria que tudo durou um minuto ou mais, e não menos de 30 segundos.

"Percebi depois de algumas tentativas de pular que estava completamente preso e pensando que vou queimar aqui. Me perguntei: por onde vai começar? Pelos pés? Pelas mãos? Pelas cabeças? Vai ser doloroso ou não?", disse.

Fórmula 1