PUBLICIDADE
Topo

Olimpíadas

Bolsonaro diz que ministro japonês o convidou para as Olimpíadas de Tóquio

Bolsonaro em encontro com Motegi Toshimitsu, Ministro dos Negócios Estrangeiros do Japão - Marcos Corrêa/Presidência da República
Bolsonaro em encontro com Motegi Toshimitsu, Ministro dos Negócios Estrangeiros do Japão Imagem: Marcos Corrêa/Presidência da República

Do UOL, em São Paulo

08/01/2021 20h55

O presidente Jair Bolsonaro se encontrou hoje com o Ministro dos Negócios Estrangeiros do Japão, Motegi Toshimitsu, e entre as pautas da reunião, revelou que foi convidado para a abertura dos Jogos Olímpicos de Tóquio, que acontecem de 23 de julho a 8 de agosto.

"Encontro com Motegi Toshimitsu, Ministro dos Negócios Estrangeiros do Japão, nosso parceiro mais tradicional na Ásia com fortes laços culturais", escreveu o presidente em suas contas nas redes sociais. "Fui convidado para a abertura das Olimpíadas de Tokio em julho", acrescentou. O ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, também participou da reunião.

Habitualmente, chefes de estado e de governo recebem o convite para a cerimônia. Em 2016, François Hollande, então presidente da França, Maurício Macri, da Argentina, Juan Manuel Santos, da Colômbia, e o então primeiro-ministro italiano, Matteo Renzi, estiveram no Maracanã para assistir o pontapé inicial dos jogos do Rio.

Crise causada pela covid-19

Nesta sexta, os organizadores dos Jogos insistiram que o evento vai acontecer na data planejado, apesar de o governo japonês ter declarado estado de emergência em razão da covid-19. Os responsáveis pelas Olimpíadas já declararam que não haverá um novo adiamento, e reforçaram que o estado de emergência não muda os planos.

Os moradores da capital japonesa, porém, acreditam que é difícil - quase impossível - sediar um evento de tal magnitude com segurança. Em uma pesquisa feita em dezembro pela emissora de televisão NHK, um terço dos habitantes do Japão querem que os Jogos sejam cancelados, temendo que o fluxo de turistas e esportistas no país aumente o número de casos da doença.

Na mesma pesquisa, 31% se declararam a favor de um novo adiamento, e apenas 27% disseram que o evento deve acontecer conforme programado. O revezamento da tocha, que marca a chegada dos Jogos Olímpicos, começa em 25 de Março, em Fukushima.

Olimpíadas