PUBLICIDADE
Topo

Brasileirão - 2020

Barbieri dá receita para vencer São Paulo e exalta fase de Claudinho

Maurício Barbieri dá receita para vencer São Paulo e elogia Claudinho - Reprodução/SporTV
Maurício Barbieri dá receita para vencer São Paulo e elogia Claudinho Imagem: Reprodução/SporTV

Colaboração para o UOL, em São Paulo

08/01/2021 14h56

Técnico do Red Bull Bragantino, Maurício Barbieri explicou a estratégia utilizada para vencer o líder São Paulo, por 4 a 2, pelo Campeonato Brasileiro. No "Seleção SporTV" de hoje, o comandante destrinchou as características do adversário e exaltou o meia-atacante Claudinho.

Segundo Barbieri, além da "pressão alta", o Bragantino teve como premissas sobrecarregar o setor onde o São Paulo tivesse a bola e explorar os tricolores com "menos facilidade para jogar".

"Essa foi uma das premissas que a gente estabeleceu. A gente sabe que o São Paulo é uma equipe que gosta de um jogo apoiado e curto, e que eles te empurram para trás se você oferece esse espaço. Não é uma novidade para o Bragantino fazer essa pressão mais alta. Foi um ponto que a gente trabalhou bastante para enfrentar o São Paulo e tentar surpreendê-los", disse Barbieri.

"O São Paulo sempre busca a superioridade numérica no setor da bola. Então, a gente tinha muito claro que tínhamos que sobrecarregar o setor onde tivesse a bola. Claro que isso envolve um risco, que é a bola chegar do lado oposto, que é eles tentaram usar as costas da nossa defesa, mas a gente assumiu esse risco e procurou sempre superioridade onde eles tinham a bola", seguiu o treinador.

"Outro ponto, essas trocas que eles fazem, de abrir volante e descer lateral, a gente estudou e entendeu que tinha que fazer com que a bola chegasse naqueles jogadores que, a princípio, tem menos facilidade para jogar: os dois zagueiros, quando abrem do lado, e os dois laterais mais avançados. E que a gente tinha que ter um cuidado especial com os volantes e os meias", encerrou.

O treinador ainda colocou o meia-atacante Claudinho entre os melhores do Brasileirão. Para Barbieri, o jogador tem condições de atuar fora do país. De acordo com o jornal Sport, o atleta de 23 anos irá para o RB Leipzig.

"Ele é um dos grandes meias do campeonato, se não o maior meia do campeonato. Ele está no clube certo no momento certo. A gente procura explorar o que ele tem de melhor, preservá-lo de algumas situações para que ele possa ser o jogador de desequilíbrio que ele tem mostrado ser. Acho que ele tem potencial para jogar em outras equipes do Brasil, como fora do país também. Não tenho dúvida que isso vai acontecer num curto intervalo de tempo", destacou o treinador.