PUBLICIDADE
Topo

Fórmula 1

Grosjean tira curativos da mão esquerda após 39 dias: 'Uma vitória'

Romain Grosjean, piloto de Fórmula 1, remove curativos após 39 dias - Reprodução/Instagram
Romain Grosjean, piloto de Fórmula 1, remove curativos após 39 dias Imagem: Reprodução/Instagram

Colaboração para o UOL, em São Paulo

07/01/2021 11h05

O piloto Romain Grosjean celebrou mais "uma vitória" no processo de recuperação do grave acidente que sofreu no Grande Prêmio do Bahrein de Fórmula 1. Após 39 dias, o francês retirou as bandagens de sua mão esquerda.

Em suas redes sociais, o piloto posou com as suas mãos sem bandagens. Grosjean retirou os curativos da mão direita no início de dezembro.

"Após 39 dias com curativos, minha mão esquerda está livre por cinco horas. Um souvenir para nos lembrar: essa é uma vitória para nós!", escreveu o piloto, que não renovou com a Haas, em seu Instagram.

Grosjean sofreu um acidente impressionante no início do GP do Bahrein, no dia 29 de novembro do ano passado. O piloto viu o carro ser partido ao meio e ficar coberto de chamas após se chocar com o guard rail. Ele ficou 28 segundos cercado pelo fogo, mas saiu praticamente ileso.

Pouco depois, o piloto disse que imaginou que iria morrer no momento do acidente.

Fórmula 1