PUBLICIDADE
Topo

UOL Esporte vê TV

Corpo de jornalista Fernando Vannucci é velado na sede do Botafogo, no Rio

Corpo do jornalista Fernando Vannucci é velado em cerimônia na sede do Botafogo, no Rio - Sá Barretto/Agnews
Corpo do jornalista Fernando Vannucci é velado em cerimônia na sede do Botafogo, no Rio Imagem: Sá Barretto/Agnews

Alexandre Araújo

Colaboração para o UOL, no Rio

26/11/2020 10h42

O corpo do jornalista Fernando Vannucci foi velado na manhã de hoje (26), na sede do Botafogo, clube do qual era torcedor. O enterro será às 15h, no Cemitério Jardim da Saudade, em Sulacap, na Zona Oeste do Rio de Janeiro.

Vannucci morreu na última terça-feira (24), aos 69 anos, vítima de um infarto. Autor do bordão "Alô, você", ele teve passagens pela Rede Globo, Bandeirantes, Record, RedeTV e Rede Brasil de Televisão.

Companheiro de Vannucci na Globo, Léo Batista lembrou o início da parceria e o convívio com o jornalista.

"Foi em 1977. Naquela época, só tinha eu. Então, eu acabava fazendo tudo, Globo Esporte, Esporte Espetacular, Fantástico... Até que me disseram que tinham descoberto um garoto muito bom, que estava despontando: Fernando Vannucci. Eu falei: "Tudo bem, a gente vai ensinando". Eu logo que vi que era ele quem iria me ensinar. Era um garoto bom demais. Era novo, mas chegou embalado. E me deu um descanso (risos). Ficamos anos juntos, foi uma parceria muito boa. A gente lembra das coisas boas", disse Batista.

"Aparentemente, ele era uma pessoa fechada, mas, no fundo, era um brincalhão. Se confiasse, arrumava um jeito de fazer uma gozação. Estou muito triste. Fui surpreendido com a notícia. Minha filha me ligou para contar... Sabe aquela pancada que dá na cabeça? Mas como dizem, a morte é a vida, e hoje estamos aqui recordando. "Alô, você", completou, em referência à frase usada por Vannucci no início dos programas.

Mylena Ciribelli também recordou o período em que trabalhou com Vannucci e revelou que havia uma vontade de reeditar a dupla que ficou famosa à frente do Globo Esporte.

"Estava me despedindo dele, lembrando de todos os momentos lindos e alegres que passamos. As brincadeiras que fazíamos no Esporte Espetacular... Estava lembrando disso tudo. Claro que a gente pensa em como a vida é efêmera, mas ele deixa lembranças boas. Fernando deixou um legado, inspirou muita gente. Muitos aprenderam com Fernando Vannucci. Até bem pouco tempo me perguntavam sobre o Vannucci, lembravam a nossa parceria. Liguei para ele em maio e tínhamos combinado de nos encontrarmos. O sonho dele era que a gente voltasse a apresentar um programa juntos. Fica a saudade, os momentos que passamos juntos", afirmou ela.

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Rede Brasil de Televisão, RedeTV e Galvão Bueno enviaram coroa de flores em homenagem ao jornalista.

UOL Esporte vê TV