PUBLICIDADE
Topo

UOL Esporte vê TV

Globo compra direitos do Italiano: Sportv dividirá transmissão com Band

Cristiano Ronaldo comemora após marcar para a Juventus contra a Lazio pelo Campeonato Italiano - Stefano Guidi/Getty Images
Cristiano Ronaldo comemora após marcar para a Juventus contra a Lazio pelo Campeonato Italiano Imagem: Stefano Guidi/Getty Images

Gabriel Vaquer

Colaboração para o UOL, em Aracaju

18/09/2020 20h13

O Grupo Globo fechou na manhã desta sexta-feira (18) a compra dos direitos de transmissão do Campeonato Italiano, uma das principais ligas do mundo. Os jogos adquiridos serão exibidos no SporTV, seu canal esportivo da TV por assinatura no sábado e no domingo. O contrato vale já a partir deste fim de semana, quando começa a competição. É o retorno do SporTV aos campeonatos europeus depois de dois anos e meio, e a volta do Italiano ao canal após oito anos.

A informação foi confirmada pelo Grupo Globo ao UOL Esporte. Segundo apurou a reportagem, o interesse aconteceu para preencher a grade com um produto atrativo de futebol internacional, algo que falta hoje no Sportv - ainda mais com a perda dos direitos de transmissão da Libertadores da América. O acordo é válido por uma temporada. O Grupo Globo terá o direito de um jogo por rodada da competição. A outra metade segue com a Band e o BandSports. O primeiro jogo será exibido segunda (21), e será entre Milan x Bologna, com narração de Gustavo Villani.

O Italiano voltará a ser atação do SporTV depois de oito temporadas fora. Sua última época exibida no canal foi em 2011/2012, em licenciamento feito pela ESPN Brasil na ocasião. A maioria das partidas foram exibidas nas manhãs de domingo. O principal atrativo eram os times recheados de brasileiros. Também é o retorno do SporTV a uma das cinco principais ligas de futebol do mundo (Itália, França, Alemanha. Inglaterra e Espanha).

Desde 2018, quando terminou o contrato dos direitos de transmissão do Campeonato Francês, que o Sportv não exibe jogos de ligas da Europa. A exceção recentemente foi a final da Copa de Portugal da temporada 2019/2020, entre Porto e Benfica, que foi mostrada para todo o país pelo canal esportivo.

A aquisição é um alento em meio a um momento que o Grupo Globo perdeu vários direitos. Só nas últimas semanas, foram confirmadas as saídas da Libertadores da América e da Fórmula 1, eventos considerados de primeira prateleira. Soma-se a isto, o processo que Globo e Fifa travam na Justiça pelo contrato dos direitos de eventos FIFA, que coloca em risco a exibição da Copa do Mundo do Catar, em 2022, em nosso país.

O Campeonato Italiano, até dois meses atrás, estava sem exibição no Brasil. Por causa da crise econômica causada pela pandemia do novo coronavírus, o DAZN abriu mão dos direitos de transmissão em nosso país. Em semanas, a Band viu uma oportunidade de negócio e fechou acordo para TV aberta e paga, assim como o Grupo Globo também observou em TV por assinatura.

UOL Esporte vê TV