PUBLICIDADE
Topo

Canais esportivos empatam no Ibope em junho; ESPN e Fox têm mais lideranças

Resenha ESPN, feito da casa dos participantes durante a pandemia  - Divulgação
Resenha ESPN, feito da casa dos participantes durante a pandemia Imagem: Divulgação

Gabriel Vaquer

Colaboração para o UOL, em Aracaju

04/07/2020 04h00

A audiência total do mês de junho da TV por assinatura trouxe algo inédito. Dados consolidados do PNT (Painel Nacional de Televisão), que corresponde à média de audiência das 15 principais metrópoles do Brasil, mostram que os três principais canais esportivos do país empataram. Mas as notícias são melhores para ESPN Brasil e Fox Sports (ou seja, Grupo Disney), que foram líderes na maioria dos dias no mês passado.

Segundo dados obtidos pela reportagem do UOL Esporte, Sportv, ESPN Brasil e Fox Sports empataram com 0.15 ponto de audiência no universo da TV por assinatura na média 24 horas, de segunda a domingo. A diferença é pequena para a ESPN Brasil, que teve participação de 0.39%. Sportv e Fox Sports obtiveram 0.38%.

No entanto, o Grupo Disney tem mais motivos para comemorar. Nos 30 dias de junho, ESPN Brasil e Fox Sports se alternaram na liderança da média dia em pelo menos 25 dias do mês passado. Ou seja, em mais de 83% dos dias, segundo apurou o UOL Esporte, algo inédito para um canal fora do Grupo Globo no setor esportivo.

Alguns fatores ajudam a explicar a situação. A primeira deles é a pandemia do novo coronavírus, que reduziu a audiência dos canais esportivos. Na comparação de maio para junho, todos os canais esportivos subiram no ranking geral da TV paga no PNT cresceram na audiência, mas ainda sem posições de grande destaque.

Outro ponto é que o Sportv, antes da pandemia, era líder de audiência na TV por assinatura, mas sem as competições nacionais, o canal esportivo da Globo perdeu muita audiência. Já os canais Disney (ESPN e Fox Sports) tiveram um ganho no Ibope muito por causa das transmissões dos torneios europeus de futebol, como o Campeonato Inglês e o Campeonato Alemão.

A tendência é de que o Sportv consiga recuperar um pouco dos números em julho, porque alguns campeonatos estaduais do Brasil podem voltar. Mas a ESPN Brasil e o Fox Sports devem seguir bem por causa da continuidade de eventos europeus, além do retorno da NBA, marcado para o fim do mês.

Veja o ranking geral dos canais de TV paga e a posição de cada um dos canais esportivos:

1) Viva: 0,76

2) GloboNews: 0,75

3) Cartoon Network: 0,54

4) Discovery Kids: 0,51

5) Universal TV: 0,50

6) Discovery Channel: 0,48

7) Megapix: 0,41

8) Discovery Home & Health: 0,41

9) AXN: 0,40

10) Nickelodeon: 0,40

11) Gloob: 0,39

12) Multishow: 0,34

13) Fox Channel: 0,29

14) TNT: 0,28

15) Warner Channel: 0,27

16) Space: 0,27

17) CNN Brasil: 0,23

18) ID: 0,22

19) Nat Geo: 0,22

20) TNT Séries: 0,22

21) GNT: 0,22

22) Animal Planet: 0,21

23) Telecine Pipoca: 0,20

24) TLC: 0,20

25) Telecine Action: 0,19

26) History: 0,19

27) Telecine Premium: 0,19

28) Boomerang: 0,17

29) Comedy Central: 0,17

30) FX: 0,17

31) Nick Jr: 0,16

32) ESPN Brasil: 0,15

33) Sportv: 0,15

34) Fox Sports: 0,15

35) Sportv 2: 0,14

62) Fox Sports 2: 0,02

63) ESPN: 0,02

67) BandSports: 0,01

70) ESPN2: 0,01

UOL Esporte vê TV