PUBLICIDADE
Topo

Fla aceita conversas e TVs voltam a se interessar por jogos do Carioca

Alexandre Vidal/Flamengo
Imagem: Alexandre Vidal/Flamengo

Gabriel Vaquer

Colaboração para o UOL, em Aracaju

03/07/2020 04h00

Com a rescisão contratual da Globo para os direitos de transmissão do Campeonato Carioca, o Flamengo reabriu as possibilidades de conversas com emissoras de televisão que queriam fazer propostas para os próximos jogos do Estadual. A maioria das empresas consultadas pela reportagem ainda estuda questões, mas já admitem que, com a Globo sem contrato, o interesse cresce consideravelmente.

Para o UOL Esporte, o vice-presidente geral do Flamengo, Rodrigo Dunshee, admitiu que o clube está aberto para conversações com emissoras que se interessem nos jogos do Carioca. Mas que, caso um acordo não seja fechado, o atual campeão brasileiro seguirá realizando transmissões em sua televisão oficial, a Fla TV.

"Nos jogos que formos os mandantes, seguiremos com a nossa transmissão. Ou na Fla TV ou negociando com alguém que queira transmitir mediante um pagamento. Um canal, um grupo. Estamos abertos a tudo, pensando, monitorando", afirmou o executivo, sem dar detalhes se alguma negociação nesse sentido já está acontecendo.

A reportagem apurou como os canais de TV estão observando a questão. Com exceção da Record, que foi procurada pelo Flamengo e que, mesmo com a saída da Globo do contrato, segue sem nenhum tipo de interesse em transmitir o Estadual, todos as outras empresas consultadas observam a questão e não descartam entrar na parada.

Entre as TVs abertas consultadas, executivos de Band e RedeTV! ouvidos tiveram praticamente o mesmo posicionamento: existe vontade de transmitir, mas o jurídico das emissoras estão estudando se, de fato, existe segurança jurídica para um investimento. Outra ideia seria sublicenciar de uma empresa que compre os direitos, caso essa empresa deseje repassar.

Na TV por assinatura, o Grupo Disney, hoje dono dos canais ESPN e Fox Sports, também observa. A empresa não fez nenhum tipo de contato com o Flamengo, muito menos proposta, mas mandatários do canal não descartam um negócio no futuro e veem com bons olhos a incorporação do Carioca no portfólio, neste momento estudando a viabilidade da questão para o futuro.

Por fim, no streaming, executivos do DAZN foram consultados. A empresa avaliou que, no momento, existe uma oportunidade de mercado e a plataforma sempre observa situações assim. Mas ainda acredita que também existe uma questão jurídica que não deixa a compra do direito de transmissão clara para quem quer investir.

A Ferj, em nota divulgada ontem (2), afirmou que irá contra notificar a Globo para entender os motivos da Globo ter rescindido o contrato com o Carioca, que ia até 2024 e como fica a situação das transmissões daqui para frente. A emissora carioca tinha contrato com a federação e, mesmo com a rescisão, manterá os pagamentos de cotas neste ano.

UOL Esporte vê TV