PUBLICIDADE
Topo

Em home office, narração da ESPN cai e perde gol em vitória do Leverkusen

Kai Havertz celebra gol do Leverkusen contra o M"Gladbach no Alemão - Ina Fassbender/Pool via Getty Images
Kai Havertz celebra gol do Leverkusen contra o M'Gladbach no Alemão Imagem: Ina Fassbender/Pool via Getty Images

Do UOL, em São Paulo

23/05/2020 12h50

A ESPN pediu desculpas a seus assinantes hoje depois de problemas técnicos durante a transmissão de Borussia Monchengladbach 1 x 3 Bayer Leverkusen pelo Campeonato Alemão. A narração e os comentários ficaram mudos em um momento central do jogo, justamente quando o Leverkusen marcava seu segundo gol.

Por uma orientação da Disney, narradores e comentaristas da ESPN estão trabalhando de casa, uma medida para evitar a transmissão do novo coronavírus.

O sistema improvisado tem causado problemas na transmissão. Quando o atacante Kai Havertz converteu um pênalti para o Leverkusen, as vozes de Fernando Nardini e do comentarista Gustavo Hofman desapareceram.

Os profissionais só voltaram ao ar alguns segundos depois, mas os comentários de Hofman e a narração de Nardini se sobrepuseram por um momento, sendo impossível entendê-los.

"É a nossa famosa Lei de Murphy", brincou Nardini ao voltar ao ar. "Mais uma vez pedimos desculpa ao fã de esporte."

Antes, os profissionais já haviam explicado que o trabalho em sistema de home office diminuiria a qualidade da transmissão. No intervalos da partida, os dois foram vistos trabalhando de casa.

Essa é a segunda rodada do Campeonato Alemão desde seu retorno após a pausa pela pandemia de covid-19. Como o público não foi liberado, fotos de torcedores foram coladas em parte das arquibancadas. Jogadores evitaram se abraçar e tocar as mãos em momentos como a comemoração de gols, e membros da comissão técnica usaram máscaras durante toda a partida.

Em campo, o Leverkusen venceu com gols de Havertz (2) e Bender. Thuram marcou para o M'Gladbach.

UOL Esporte vê TV