PUBLICIDADE
Topo

Vice-presidente do COI diz que coronavírus não ameaça Olimpíada de Tóquio

Anéis Olímpicos em Tóquio - Alessandro Di Ciommo/NurPhoto via Getty Images
Anéis Olímpicos em Tóquio Imagem: Alessandro Di Ciommo/NurPhoto via Getty Images

Do UOL, em São Paulo

12/02/2020 17h33

O vice-presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), Juan Antonio Samaranch Jr., assegurou que a epidemia do novo coronavírus não ameaça a realização da Olimpíada de Tóquio, no Japão.

"Por enquanto os Jogos de Tóquio não estão comprometidos", afirmou Salisachs em evento no Círculo Ecuestre de Barcelona.

"Suspendemos muitas provas de inverno na China, mas estamos esperando para ver o que acontece. Os Jogos de Tóquio 2020 ainda estão longe", completou.

Recentemente, o surto de coronavírus na China foi o motivo do cancelamento do qualificatório olímpico de boxe para a Ásia e a Oceania, que seria realizado na cidade de Wuhan.

Os Jogos Olímpicos começarão em 24 de julho e irão até 9 de agosto. Já os Jogos Paralímpicos ocorrerão entre 25 de agosto e 6 de setembro. Várias cidades japonesas serão sede das competições ou receberão as delegações no período de adaptação.

Jogos Olímpicos de Inverno

No mesmo evento, Juan Antonio Samaranch Jr. aproveitou para falar sobre a candidatura de Barcelona para ser sede dos Jogos Olímpicos de Inverno de 2030.

"Não tem menos possibilidade que nenhuma outra. Aqui vieram técnicos de todas as federações internacionais de esportes de inverno, viram o projeto, visitaram as instalações e o espaço e não há nenhum motivo para pensar que Barcelona não possa organizar uma Olimpíada de primeiro nível", afirmou.

Além de Barcelona, Salt Lake City (Estados Unidos), Sapporo (Japão), Oslo (Noruega) e Estocolmo (Suécia) também demonstraram interesse em receber os Jogos Olímpicos de Inverno de 2030.

Olimpíadas