PUBLICIDADE
Topo

Esporte


Jakson Follmann revela medo de voar após tragédia da Chapecoense

Jackson Follmann é finalista do Popstar - Reprodução/Globo
Jackson Follmann é finalista do Popstar Imagem: Reprodução/Globo

Do UOL, em São Paulo

23/12/2019 11h31

O ex-goleiro Jakson Follmann revelou seu medo de voar depois do acidente que sofreu há três anos. Na tragédia, 71 pessoas morreram. Ele, que hoje dá palestras e participa do programa Popstar, da TV Globo, disse que viajar de avião é uma necessidade, mas admite não ser uma experiência fácil.

"Não posso negar que tenho medo. Quando entro na aeronave, faço a minha oração e peço que seja uma viagem segura e tranquila. Procuro sentar sempre na janela, para observar tudo lá embaixo, e viajar durante o dia. Quando o voo é à noite, sofro mais", contou ao jornal Extra.

O gaúcho de 27 anos também disse não ter superado o trauma deixado pela tragédia. No acidente, Follmann perdeu amigos e parte da perna direita.

"Depois do acidente, fiquei mais sentimental, não consigo conter as lágrimas. As pessoas dizem que eu superei, mas não é verdade. Não tive tempo. Na realidade, nem tenho que dar um prazo para isso. Estou me redescobrindo e me reinventando, abraçando as oportunidades que a vida tem me oferecido. É um dia de cada vez."

Ele espera o primeiro filho, Joaquim, previsto para nascer em fevereiro. "Não vejo a hora de ver a carinha dele."

Ouça o podcast Posse de Bola, a mesa redonda do UOL sobre futebol, com Arnaldo Ribeiro, Eduardo Tironi, Juca Kfouri e Mauro Cezar Pereira.

Mais podcasts do UOL no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts e outras plataformas

Esporte