Topo

UOL Esporte vê TV


Flamenguista? Eric Faria já foi criticado por comemorar até gol do Vasco

Interação do repórter Eric Faria, da TV Globo, com o atacante Gabigol, do Flamengo - Reprodução
Interação do repórter Eric Faria, da TV Globo, com o atacante Gabigol, do Flamengo Imagem: Reprodução

Beatriz Cesarini

Do UOL, em São Paulo

28/11/2019 14h42

Recentemente, Eric Faria se tornou um dos símbolos das conquistas do Flamengo. Durante a final da Copa Libertadores, o repórter da TV Globo demonstrou emoção com o título rubro-negro e chegou a pedir calma a Gabigol quando o atacante foi expulso da partida. Na noite de ontem, o jornalista foi zoado por Diego Alves durante a comemoração da taça do Brasileirão. O time de coração nunca foi revelado pelo profissional, mas os torcedores já creem que ele é flamenguista. O que muitos não se recordam é que Eric já esteve em uma polêmica por celebrar um gol do Vasco.

Em novembro de 2011, Vasco e Fluminense brigavam pelo título brasileiro e protagonizaram um clássico na penúltima rodada da competição nacional. No momento em que o Cruzmaltino abriu o marcador, uma câmera flagrou Eric Faria comemorando o gol. O vídeo viralizou nas redes sociais e o jornalista foi criticado e elogiado por torcedores dos times envolvidos.

No ano seguinte, a Associação dos Cronistas Esportivos do Rio de Janeiro definiu que iria punir os jornalistas que comemorarem gols no gramado durante o Campeonato Estadual do Rio de Janeiro. Eric chegou a ser citado como exemplo na reunião em que a decisão foi tomada. Apesar disso, o órgão destacou que a medida não ocorreu por causa do repórter da TV Globo.

Neste ano, Eric relembrou o caso durante o programa "Bola Quadrada", do Grupo Globo. O repórter admitiu que comemorou o gol do Vasco contra o Fluminense naquele Brasileirão de 2011, porque estava muito próximo à equipe e acabou nutrindo um carinho especial.

"Comemorei o gol mesmo, eu nunca falei sobre isso. Acho que todo o gol é feito para ser comemorado. Brincadeira (risos). Eu acompanhava muito de perto aquele time do Vasco, era quase um setorista daquele Vasco. Fiz a final contra o Coritiba, acompanhei a Sul-Americana... Eu conhecia muito daqueles caras, porque os vi nascerem no futebol", disse Eric.

UOL Esporte vê TV