Topo

Futebol Americano


San Francisco perde e Miami de 1972 segue como único campeão invicto da NFL

Russell Wilson, quarterback do Seattle Seahawks - Thearon W. Henderson/Getty Images/AFP
Russell Wilson, quarterback do Seattle Seahawks Imagem: Thearon W. Henderson/Getty Images/AFP

Lucas Tieppo

Colaboração para o UOL, em São Paulo

12/11/2019 15h06

Resumo da notícia

  • Semana termina com a queda do último invicto, o San Francisco 49ers
  • Russell Wilson desponta como grande favorito ao título de MVP
  • Apenas um time ainda não venceu nenhum jogo na temporada, o Cincinnati Bengals
  • Faltam sete semanas para o fim da temporada regular e a briga pelos playoffs está quente

A NFL encerrou nesta segunda-feira (11) a sua décima rodada. Os 12 times que irão aos playoffs ainda não estão definidos e a disputa pelo prêmio de MVP (jogador mais valioso) da liga está empolgante.

A queda do último invicto

Na semana 9, o então invicto New England Patriots perdeu fora de casa para o Baltimore Ravens e foi para a folga na semana seguinte com oito vitórias e uma derrota. Assim, a NFL tinha apenas um time invicto na abertura da 10ª semana: os 49ers. Não tem mais.

Melhor defesa da liga em jardas cedidas e com o ataque crescendo jogo a jogo, o San Francisco tinha pela frente o Seattle Seahawks em casa. Em um jogo emocionante e decidido apenas nos últimos segundos da prorrogação, o time visitante venceu por 27 a 24 com o field goal de Myers.

Agora, a NFL não tem mais nenhum time invicto e o Miami Dolphins da temporada 1972 segue como o único time campeão do Super Bowl sem nenhuma derrota na temporada.

Quem será o MVP?

A disputa pelo prêmio de melhor jogador da temporada está a cada rodada mais quente. O único intruso entre os candidatos é o running back Christian McCaffrey, do Carolina Panthers. Os outros postulantes são quarterbacks.

Lamar Jackson tem empolgado no comando do Baltimore Ravens, responsável por acabar com a invencibilidade do New England Patriots na semana 9, e tem crescido nas bolsas de apostas. Pelo segundo jogo seguido ele teve um rating perfeito nos passes.

Aaron Rodgers lidera um renovado Green Bay Packers, enquanto Deshaun Watson, do Houston Texans, é outro candidato forte.

O favorito, porém, é Russell Wilson, líder do Seattle Seahawks, com seus 23 touchdows na temporada e apenas duas interceptações - uma delas no duelo desta segunda-feira (11) contra o San Francisco 49ers.

Os Bengals vão vencer algum jogo?

A NFL encerrou a semana 10 com apenas um time sem nenhuma vitória na temporada regular. É o Cincinatti Bengals. A equipe soma nove derrotas em nove jogos e não dá sinais de que vá se recuperar no curto prazo.

Grande destaque da equipe, o wide receiver AJ Green se recupera de uma lesão no tornozelo e ainda não entrou em campo na temporada.

Outra grande mudança foi na posição de quarterback. Dono do posto desde 2011, Andy Dalton deu lugar ao novato Ryan Finley após a oitava derrota na temporada. Finley pouco fez e o time perdeu mais uma vez.

Dalton deve ser trocado pelos Bengals na pós-temporada, já que a franquia terá escolha alta no Draft de 2020 e deve escolher um novo quarterback para liderar o time nos próximos anos.

Briga pelos playoffs

Faltam sete semanas para o final da temporada regular e os resultados das dez primeiras rodadas deixam o cenário dos postulantes a uma vaga nos playoffs mais claro — cada time joga 16 vezes e tem uma semana de folga.

Na Conferência Americana, o New England Patriots (8v-1d) lidera a divisão Leste e está perto da pós-temporada. Assim como o Baltimore Ravens (7v-2d), líder da divisão Norte. As duas equipes devem disputar a liderança da conferência e o mando de campo até a decisão.

Na divisão Sul, o Houston Texans (6v-3d) lidera, mas Indianapolis Colts (5v-4d) e Tennessee Titans (5v-5d) estão na briga. Na divisão Oeste, o Kansas City Chiefs (6v-4d) não empolga como se esperava, mas deve avançar.

Além dos quatro vencedores das divisões, outros dois times se classificam como wild cards. Buffalo Bills (6v-3d), Pittsburgh Steelers (5v-4d), Oakland Raiders (5v-4d), Colts e Titans estão na briga. Hoje, as vagas seriam dos Bills e Steelers.

Na Conferência Nacional, o San Francisco 49ers (8v-1d) lidera a divisão Oeste, mas tem o Seattle Seahawks (8v-2d) na cola. Na divisão Norte, o Green Bay Packers lidera (8v-2d), mas o Minnesota Vikings (7v-3d) está na briga.

Na divisão Sul, o New Orleans Saints (7v-2d) lidera, enquanto o Dallas Cowboys (5v-4d) está na liderança da divisão Leste, mesma campanha do Philadelphia Eagles.

O Los Angeles Rams (5v-4d) e o Carolina Panthers (5v-4d) também estão na briga pelas vagas de Wild Card, que hoje seriam de Seahawks e Vikings.

As decepções da temporada

O Cleveland Browns é a grande decepção da temporada após as 10 primeiras semanas. Recheado de estrelas, como o quarterback Baker Mayfield, os running backs Nick Chubb e Kareem Hunt e os wide receivers Odell Beckham Jr e Jarvis Landry, a equipe tem três vitórias e seis derrotas e está longe de uma vaga nos playoffs, mesmo via wild card.

Outra decepção é o Los Angeles Chargers. A equipe da Califórnia tem quatro vitórias e seis derrotas, mas ainda sonha com o título da divisão Oeste da Conferência Americana.

Do lado da Conferência Nacional, o posto pertence ao Chicago Bears. Com uma defesa muito forte, a equipe tem tido desempenho ruim no ataque, especialmente com o quarterback Mitchell Trubisky. Os playoffs são um sonho improvável.

O Los Angeles Rams, representante da conferência no Super Bowl da temporada passada, está longe de apresentar o mesmo desempenho que o levou à decisão da NFL, mas o retrospecto de cinco vitórias e quatro derrotas ainda mantém o time na briga pelos playoffs.

As surpresas

O Baltimore Ravens pode ser apontado como uma surpresa por conta do ótimo futebol apresentado na temporada, mas as perspectivas para o time na temporada já eram boas antes do pontapé inicial. Mas ainda os Ravens superaram as expectativas, assim como o quarterback Lamar Jackson.

A vitória categórica sobre o New England Patriots na semana 9 colocou o time na lista dos favoritos ao Super Bowl.

A campanha de seis vitórias e três derrotas do Buffalo Bills também pode ser considerada uma surpresa. A equipe está firme na briga pela vaga nos playoffs como wold card, já que a divisão leste da Conferência Americana será dos Patriots.

Futebol Americano