PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Pugilista é identificado atacando policial ao lado de "coletes amarelos"

Ao lado de "coletes amarelos", pugilista profissional desferiu socos no capacete e no escudo de policial - Twitter/LinePress
Ao lado de "coletes amarelos", pugilista profissional desferiu socos no capacete e no escudo de policial Imagem: Twitter/LinePress

Do UOL, em São Paulo

05/01/2019 23h43

Um homem que partiu para cima de policiais franceses durante um ato dos chamados "coletes amarelos", neste sábado (5), foi identificado como um pugilista profissional, campeão nacional nos anos 2000. A informação foi publicada por alguns veículos de imprensa locais, como o jornal Le Parisien, citando a Diretoria Nacional de Serviços Técnicos e Logísticos (Dostl, na sigla em francês). 

Em um vídeo, gravado e publicado neste sábado (5) pela agência de notícias Line Press, um homem usando casaco e touca pretas se une aos manifestantes na Ponte Leopold Sédar Senghor, em Paris. Apenas com luvas de inverno, ele desferiu socos no escudo e no capacete de um policial. Os "coletes amarelos", então, acompanharam a progressão do pugilista e conseguiram retirar os oficiais da ponte. 

Horas depois da veiculação do vídeo, um sindicato de policiais publicou no Twitter uma foto do suposto homem atuando como pugilista, o identificando como Christopher D. "Senhor, você bateu em um homem no chão, você está identificado. Para um boxeador, você não respeita muitas regras. Vamos ensinar-lhe [as regras] do Código Penal", colocou a união. 

Ao contrário do publicado inicialmente, o jornal Le Parisien desmentiu que o homem tenha sido preso. 

Esporte