PUBLICIDADE
Topo

Futebol Americano

Beijo de Brady em filho gera polêmica na internet sobre intimidade familiar

Tom Brady recebe beijo do filho Jack - Facebook/Reprodução
Tom Brady recebe beijo do filho Jack Imagem: Facebook/Reprodução

Do UOL, em São Paulo

02/02/2018 17h46

Uma ação de Tom Brady gerou discussão nesta semana, em que o New England Patriots do quarterback se prepara para o Super Bowl de domingo (4), contra o Philadelphia Eagles. Mais especificamente, um ‘selinho’ recebido pelo jogador de seu filho Jack em um episódio da série “Tom vs Time” criou uma polêmica sobre intimidades entre pais e filhos.

O terceiro episódio do programa produzido e disponibilizado integralmente no Facebook mostra Brady recebendo uma massagem de seu ‘guru’ Alex Guerrero, quando Jack entra para fazer uma pergunta para o pai. “Oi. Eu queria saber se eu posso checar meu time no fantasy”, questionou o menino de 10 anos, filho de Brady com a atriz Bridget Moynahan.

Brady respondeu: “O que eu ganho em retorno?”, recebendo um rápido selinho do menino. “Sabe, Jack. Tudo tem um preço", brincou Guerrero. "Isso foi como uma bicada”, disse o quarterback.

Após a “reclamação” do pai, Jack voltou a beijá-lo na boca, desta vez de forma mais longa. O incidente foi pontado como estranho por internautas, que comentaram o incidente nas redes sociais.

“O beijo entre Tom Brady e seu filho é muito longo e é esquisito”, escreveu um usuário. Outro achou normal o ato, porém se surpreendeu com a duração.

“Não vejo problema com Brady beijando seu filho na boca... é a duração do beijo que me surpreendeu”, publicou.

“Como alguém que vem de uma dessas famílias beijadoras (de um lado), eu gostaria de defender Tom Brady neste caso, mas... o beijo foi bem estranho”, opinou outro internauta.

“Tom Brady é uma das minhas cinco pessoas favoritas (incluindo membros da família), mas ele fazendo seu filho voltar e dar um beijo na boca por mais tempo porque o primeiro beijo não foi longo o suficiente é um conteúdo, muito, muito perturbador”, argumentou um fã confesso do quarterback.

Houve quem também defendesse a ação do jogador por meio das redes sociais, mas a sensação mais prevalente foi o estranhamento pela ação. A prática, no entanto, não é contraditória com o que a série mostra sobre a vida particular do jogador, que também aparece recebendo um 'selinho' da mãe.

Futebol Americano