PUBLICIDADE
Topo

Tênis

Marido de Serena rebate bilionário crítico da tenista: 'Racista e sexista'

Serena Williams na segunda rodada do US Open de 2020 - Getty Images
Serena Williams na segunda rodada do US Open de 2020 Imagem: Getty Images

Colaboração para o UOL, em São Paulo

06/01/2021 17h57

Alexis Ohanian, marido de Serena Williams, saiu em defesa da esposa na última segunda-feira. O empresário rebateu um comentário do ex-tenista e bilionário romeno Ion Tiriac, que sugeriu que a americana devia se aposentar das quadras "se tivesse um pouco de decência".

Em publicação nas redes sociais, Alexis classificou a declaração de Tiriac como "racista" e "sexista". O romeno havia citado a idade e peso da ex-número 1 do mundo para justificar a sua opinião.

"Com essa idade e o peso que tem agora, ela não se move tão facilmente como fazia 15 anos atrás", disse Ion Tiriac, de acordo com a ProSport. "Serena era uma jogadora sensacional. Se ela tivesse um pouco de decência, ela se aposentaria! De todos os pontos de vista", acrescentou o romeno, que possui a maior fortuna de seu país.

Após a repercussão do comentário, Alexis Ohanian rebateu:

"É seguro dizer que ninguém dá a mínima para o que Ion ?iriac pensa", publicou no Twitter. "Tive que pesquisar no Google... Acontece que minha filha de 3 anos tem mais vitórias no Grand Slam do que este [palhaço]."

"2021 e sem hesitação quando um palhaço racista / sexista com uma plataforma vier falar da minha família", acrescentou.

Ion Tiriac, de 81 anos, é ex-jogador de tênis e diretor do Aberto de Madri. Ele atingiu a sua melhor posição no ranking em 1968, quando foi número 8 do mundo.

Já Serena Williams é uma das tenistas mais vitoriosas da história da modalidade. Aos 39 anos, ela soma 23 títulos de Grand Slam e está a apenas um de igualar o recorde de conquistas de Margaret Court.

Tênis